Contadora orienta sobre erros comuns na hora de declarar o IR - Por dentro do RN

Contadora orienta sobre erros comuns na hora de declarar o IR

Segundo estimativa da Receita Federal, cerca de 34,1 milhões de declarações de imposto de renda devem ser entregues ao órgão até o dia 31 de maio, novo prazo para a prestação de contas com o Leão. Seja por descuido ou engano, erros de digitação e falta de informações ou dados são comuns e podem fazer com que o contribuinte caia na malha fina.

Para evitar problemas com a Receita, a contadora e professora da Estácio, Lizandra Menezes, aponta onde se deve ter mais atenção. “Um dos principais pontos é o valor correto do rendimento anual: caso o rendimento seja inferior a R$ 28.559,70, você está desobrigado a declarar, mas é preciso ficar atento e observar demais itens que podem lhe obrigar a declarar apesar disso”, orienta a contadora.

De acordo com a docente, outro erro que acontece com frequência é em relação aos dependentes. Lizandra Menezes esclarece que se o dependente tiver alguma renda como bolsa de estágio, pensão ou qualquer vínculo empregatício, o valor deve fazer parte da declaração em rendimentos tributáveis.

“Normalmente, isso faz o contribuinte cair na malha fina. É muito importante lembrar também que o mesmo dependente não pode aparecer em mais de uma declaração, ele é único por declaração. Pais e tutores devem ter atenção em dobro em relação a esta informação”, explica Lizandra.

A mesma situação vale para os cônjuges. Se alguém constar como dependente e tiver alguma renda, a pessoa deve ser declarada em rendimentos tributáveis. Caso o cônjuge tenha um rendimento considerável, a dica é que a declaração seja feita separadamente. “Assim, não aumenta a base de cálculo a ser tributada”, esclarece a professora da Estácio.

Atendimento gratuito
Para o público que precisa de auxílio com o processo, a Estácio Natal oferece atendimento gratuito para declaração do IR por meio do Núcleo de Apoio Fiscal (NAF) do curso de Ciências Contábeis da Estácio Alexandrino. A ação é destinada aos contribuintes que tiveram rendimento de até R$ 80 mil em 2021.

Os interessados podem procurar o serviço nas segundas e quartas, no turno da tarde, com os documentos necessários para realizar o procedimento.

O contribuinte deve apresentar RG, CPF, título de eleitor, informe de rendimentos, comprovante de residência e documentos de aquisição ou venda de imóveis e outros bens; informe de rendimento bancário do ano de 2021, caso possua investimentos como CDB, LCI, LCA, entre outros. Nome completo e CPF dos dependentes e documentos que comprovem as despesas relacionadas a eles também são necessários, como recibos escolares e médicos.

O atendimento presencial nas unidades da Estácio ocorre de acordo com as normas de segurança sanitária vigentes.

SERVIÇO

Atendimento gratuito para declaração de IR
Onde: NAF Estácio Alexandrino – Av. Alm. Alexandrino de Alencar, 708 – Alecrim
Quando: Segundas e quartas, das 15h às 17h
Contato: 84 8138-4721 (Whatsapp)

Foto: Divulgação

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

É #FAKE que o Midway Mall vai cobrar pelo estacionamento Como consultar valores a receber com o Banco Central Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado