Seturn considera que a licitação dos transportes em Natal 'irá fracassar novamente'

Seturn considera que a licitação dos transportes em Natal ‘irá fracassar novamente’

Após a Prefeitura de Natal anunciar que pretende realizar a licitação dos transportes até o final deste ano, as empresas de ônibus consideram que a licitação do transporte ‘deverá fracassar novamente’. O representante do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município de Natal (Seturn), Nilson Queiroga, diz ver com descrença a previsão e atribui o provável fracasso à falta de diálogo entre as autoridades do setor.

Queiroga afirmou que a licitação não vem sendo debatida dentro do Conselho Municipal de Transporte Mobilidade Urbana, órgão colegiado da STTU. “Ultimamente, não se fala nem nesse assunto. Quando vamos discutir, eles não querem falar, como se não fosse para agora. Nós não estamos vendo movimentação, trabalho de que essa licitação está para ocorrer. A STTU foge ao assunto, não leva adiante. Nós estamos cobrando a planilha do custo do serviço e eles não respondem; formalizamos 13 ofícios, mostrando que está um grande desequilíbrio por conta de fatores como pandemia, diminuição de passageiros, suspensão de linhas, retirada de cobradores e impostos e não tivemos resposta. Como que a prefeitura vai fazer uma licitação com um clima desses?”, criticou.

Atualmente, o sistema de transporte de Natal vem atuando de forma reduzida, com 388 ônibus circulando em 66 linhas, de acordo com o Painel de Monitoramento de Frota e Demanda na Pandemia de Covid-19, da Prefeitura do Natal. A frota total é de 566 veículos. Além disso, diversas linhas foram suspensas. Seguem sem operar as rotas 01A, 01B, 12-14, 18, 20, 23-69, 30A, 31A, 34, 41B, 44, 48, 57, 65, 66, 587 e 588. Outras linhas passaram a operar de modo compartilhado, como a 05-67 (que se tornou a linha N-05), 13-25 (que se tornou a linha N-25), 35-85 (que se tornou a linha N-35) e 61-64 (que se tornou a linha N-64), por exemplo.

Foto: Matheus Felipe/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.