Receita Federal apreende material contrabandeado em Natal

Receita Federal apreende material contrabandeado em Natal

A Receita Federal e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizaram nesta quinta-feira (30) uma ação no comércio do Alecrim, zona Leste de Natal, que resultou na apreensão de material contrabandeado em 15 lojas do bairro. O Alecrim é um dos principais centros comerciais da capital potiguar.

De acordo com a Receita Federal, as mercadorias apreendidas são, em sua maioria, brinquedos falsificados ou piratas, mas sapatos, roupas, bolsas, eletrônicos e acessórios também foram retidos na ação. O material é classificado como pirata ou descaminhado, o que ocorre quando alguém sonega uma parte ou todos os tributos devidos pela entrada, saída ou consumo de determinada mercadoria.

De acordo com a Receita, as principais irregularidades que estão sendo encontradas são a falta de selo de garantia do Inmetro nos brinquedos, indícios de contrafação, quando o produto é falsificado e vendido em preço abaixo do valor da marca, além de importações ilegais.

Ainda segundo a Receita, alguns estabelecimentos já vinham sendo monitorados por suspeita de compra e venda, no atacado e varejo, de material contrabandeado, ou seja, importadas sem o pagamento dos tributos devidos, além de mercadorias contrafeitas que são aquelas que possuem falsificação de marca, enquadrando-se no crime de contrabando.

Foto: Cleildo Azevedo/Inter TV Cabugi

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.