Pesquisadora potiguar da USP busca pais para estudo sobre qualidade de vida de crianças com paralisia cerebral; veja como ajudar

Pesquisadora potiguar da USP busca pais para estudo sobre qualidade de vida de crianças com paralisia cerebral; veja como ajudar

A pesquisadora potiguar da USP, Priscilla Queiroz, busca pais voluntários de crianças entre 4 e 7 anos com paralisia cerebral para preencherem um questionário online sobre a qualidade de vida de seus filhos e filhas. Priscilla é natural de São Miguel, no Alto Oeste potiguar, e integra uma equipe de pesquisadores da Faculdade de Medicina da USP, do campus de Ribeirão Preto, interior paulista.

O estudo ‘Influência dos Pais na Qualidade de Vida de Crianças com Paralisia Cerebral (PC)’ é realizado por Priscilla Queiroz, estudante de Fisioterapia, orientado pela professora Patricia Leila dos Santos e coorientado pela mestranda Corina Milagro Mosqueira Taipe, todas da USP de Ribeirão Preto.

Os interessados devem responder um questionário online NESTE LINK até o mês dezembro de 2021. O tempo médio de preenchimento é de cerca de 12 minutos. Para mais informações, a pesquisadora disponibilizou um e-mail para tirar todas as dúvidas: [email protected].

Foto: Divulgação/Priscilla Queiroz/USP Ribeirão Preto

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.