Lei Lucas Santos de prevenção à depressão e ao suicídio é sancionada pelo Governo do Rio Grande do Norte

Lei Lucas Santos de prevenção à depressão e ao suicídio é sancionada pelo Governo do Rio Grande do Norte

O PL que deu origem à Lei Lucas Santos foi de autoria do deputado Kléber Rodrigues, do PL, e vai prevenir o suicídio e a depressão.

Foi sancionada nesta quinta-feira (2) a lei para a inclusão de medidas de conscientização, prevenção e combate à depressão, à automutilação e ao suicídio. Denominada “Lei Lucas Santos” em referência ao filho dos músicos Walkyria Santos e Cesar Soanata, morto no dia 3 de agosto, tem como foco também combater o cyberbullying entre os jovens, e foi de autoria do deputado Kléber Rodrigues (PL).

De acordo com a lei, fica prevista a elaboração e implementação de um projeto pedagógico pelas escolas públicas e privadas do estado incluindo medidas de conscientização entre crianças, jovens e adolescentes. Entre as ações a serem desenvolvidas estão incluídas palestras, debates, distribuição de cartilhas de orientação aos pais, alunos, professores, servidores, entre outras iniciativas.

Desde a morte do filho, a cantora Walkyria Santos e o empresário Cesar Soanata, pais de Lucas, têm feito campanha para que leis do gênero também sejam aprovadas no âmbito federal, para evitar que outros jovens sejam vítimas de ataques pela Internet. Lucas Santos, que tinha 16 anos, foi encontrado morto em casa, após ter sido vítima de comentários ofensivos após ter publicado um vídeo no TikTok.

Foto: Reprodução/Redes sociais

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.