Tag D3 - Por dentro do RN

D3

Rio Grande do Norte tem 263 mil pessoas com a 2ª dose em atraso e 137 mil não tomaram a dose de reforço

Rio Grande do Norte tem 263 mil pessoas com a 2ª dose em atraso e 137 mil não tomaram a dose de reforço

Cerca de 263 mil potiguares estão com a segunda dose da vacina contra a covid-19 em atraso, de acordo com dados divulgados pelo Laboratório em Inovação Tecnológica em Saúde (Lais/UFRN), que monitora os índices de imunização em todo o Rio Grande do Norte. Outras 137 mil pessoas também estão com a dose de reforço em atraso no estado.

Atualmente, a dose de reforço está sendo aplicada em profissionais da saúde e idosos acima de 60 anos após cinco meses da aplicação da D2, além de pessoas imunossuprimidas depois de 28 dias. Dos que estão atrasados com a dose de reforço, 22.838 são profissionais da saúde, sendo 10 mil só de Natal, e 115.144 são idosos.

O Rio Grande do Norte tem, atualmente, 74% da população completamente vacinada contra a covid-19 com as duas doses – no caso dos imunizantes que têm essa determinação. Todos os adultos acima dos 18 anos e adolescentes a partir dos 12 anos de idade podem se imunizar contra o novo coronavírus.

Especialistas e autoridades em saúde apontam a vacinação como o principal fator da redução do número de óbitos e internações no estado. As vacinas em uso no Brasil estão autorizadas pela Anvisa, órgão regulador nacional.

Atrasados (segunda dose)

Por Vacina

CoronaVac/Butantan – 64.887 pessoas em atraso
Oxford/AstraZeneca – 87.929
Pfizer – 110.573

Vacina por cidade

Natal

Natal – Coronavac/Butantan – 23.772
Natal – Oxford/AstraZeneca – 20.845
Natal – Pfizer – 30.482

Mossoró

Mossoró – Coronavac/Butantan – 5.132
Mossoró – Oxford/AstraZeneca – 8.793
Mossoró – Pfizer – 10.869

Total de pessoas em atraso: 263.413

Atrasados (dose de reforço)

Trabalhadores da saúde

Rio Grande do Norte – 22.838

Natal – 10.548 Trabalhadores da Saúde com D3 em Atraso
Mossoró – 2.046 Trabalhadores da Saúde com D3 em Atraso

Idosos

Rio Grande do Norte – 115.144

Natal – 33.705 Idosos 60+ com D3 em Atraso
Mossoró – 7.163 Idosos 60+ com D3 em Atraso

Foto: Otávio Santos

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Sesap aguarda novas doses para a adoção de protocolo do Ministério da Saúde sobre reforço (D3)

Sesap aguarda novas doses para a adoção de protocolo do Ministério da Saúde sobre reforço (D3)

Apesar do anúncio pelo Ministério da Saúde da campanha de Mega Vacinação, nesta terça-feira (16.nov.2021), com a ampliação da dose de reforço para toda a população adulta de 18 a 59 anos e redução de tempo mínimo para cinco meses, a Secretaria de Estado de Saúde Publica (Sesap/RN) afirma que não há, no Rio Grande do Norte, um quantitativo expressivo de doses que permita a mudança no momento.

A proposta da secretaria é seguir um escalonamento por faixa etária, seguindo orientações do Ministério da Saúde e, além disso, manter a diminuição do intervalo entre a segunda e a dose de reforço de seis para cinco meses, protocolo este que já era adotado antes da nova orientação da pasta.

Foto: Reprodução/Rodrigo Pinheiro

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Em Natal, população a partir dos 65 anos já pode tomar dose de reforço (D3)

Em Natal, população a partir dos 65 anos já pode tomar dose de reforço (D3)

Teve início nesta quarta-feira (6) a vacinação da dose de reforço para o público a partir de 65 anos em Natal. As informações são da Prefeitura municipal, que afirma que a população pode comparecer a qualquer ponto vacinal da cidade para receber a D3 da vacina contra a Covid-19. A partir da quinta-feira (7), a vacinação será para o público de 60 anos e mais.

De acordo com a gestão municipal, será ampliada a aplicação da D3 para os idosos de 65 anos que tenham se imunizado há pelo menos seis meses com as duas doses ou dose única de qualquer imunizante contra a Covid-19 e sejam residentes da capital. Além disso, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS/Natal) também vai ampliar o prazo da D2 de Oxford, nesta quarta (06) para aqueles que tomaram a primeira dose até 22 de julho.

Além da população de 65 anos, a SMS/Natal informa que no site https://vacina.natal.rn.gov.br é possível ver todos os públicos em vacinação, documentação, dúvidas frequentes e demais informações sobre e vacinação na capital. Também teve início nesta quarta-feira (6), o início da aplicação da D3 para os imunossuprimidos, de acordo com os critérios do Plano Nacional de Operacionalização do Ministério da Saúde.

“Os indivíduos desse grupo devem apresentar laudo médico que comprove estar dentro dos critérios listados abaixo. O intervalo mínimo para a terceira dose de reforço deverá ser de 28 dias após a segunda dose do esquema vacinal completo”, afirma a nota da secretaria.

As pessoas que receberão a dose adicional são:

  • Imunodeficiência primária grave
  • Quimioterapia para câncer
  • Transplantadas de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras
  • Pessoas vivendo com HIV/Aids
  • Uso de corticoides em doses > 20mg/dia de prednisona, ou equivalente, por > 14 dias
  • Uso de drogas modificadoras da resposta imune (ver abaixo)
  • Pacientes com hemodiálise
  • Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, autoinflamatórias, doenças intestinais inflamatórias)

Drogas modificadoras da resposta imune e doses consideradas imunossupressoras:

  • Metotrexato
  • Leflunomida
  • Micofenolato de mofetila
  • Azatipirina
  • Ciclofosfamida
  • Ciclosporina
  • Tacrolimus
  • 6-mercaptopurina
  • Biológicos em geral (infliximabe, etanercept, humira, adalimumabe, tocilizumabe, Canakinumabe, golimumabe, certolizumabe, abatacepte, Secukinumabe, ustekinumabe)
  • Inibidores de JAK (Tofacitinibe, baracitinibe e Upadactinibe)

SEGUNDA DOSE


CORONAVAC

  • As pessoas que completaram os 28 dias da primeira dose do imunizante CoronaVac podem procurar as UBS do município ou qualquer drive-thru para receber a segunda dose.

OXFORD

  • UBS do município e todos os drives estarão com aplicação da D2 da Oxford para quem se vacinou até o dia 22 de julho.
  • Grávidas que tomaram a D1 de Oxford.
  • As gestantes que tomaram a primeira dose com o imunizante Oxford e que, por recomendação do Ministério da Saúde, não tomaram a segunda dose poderão completar seu esquema vacinal com o imunizante da Pfizer e em todas as UBS do município ou qualquer ponto de aplicação.

PFIZER


A segunda dose da Pfizer está disponível nas UBS do município ou nos drives Nélio Dias, Palácio dos Esportes, Via Direta ou ginásio do Sesi para quem tomou a primeira dose até 06 de agosto.

Foto: Alex Régis/Secom/Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Sesap distribui 15 mil doses de reforço (D3) da vacina contra a Covid para profissionais da saúde no RN

Sesap distribui 15 mil doses de reforço (D3) da vacina contra a Covid para profissionais da saúde no RN

Mais de 128.250 doses de vacina contra o coronavírus foram distribuídas pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) hoje (6) aos municípios potiguares para continuidade à Campanha Estadual de Vacinação. Segundo a secretaria, as vacinas serão destinadas para aplicação da terceira dose (D3) nos profissionais de saúde, bem como pela completude do esquema vacinal com a segunda dose para os adultos acima dos 18 anos.

A Sesap explica que são 15.888 doses do imunizante da Pfizer direcionadas para vacinação da D3, também chamada de dose de reforço, para os profissionais de saúde. A vacinação deve iniciar pelos profissionais de saúde priorizando aqueles que atuam na assistência, como em unidades hospitalares, Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e prontos atendimentos. A imunização desse público-alvo vai acontecer de maneira escalonada e simultânea à vacinação dos idosos acima de 60 anos.

Ainda de acordo com a Sesap, além das 15 mil doses destinadas para a D3 dos profissionais de saúde, também foram distribuídas mais 62.430 doses das vacinas da AstraZeneca/Oxford e 49.932 da Pfizer para aplicação da segunda dose dos adultos.

Foto: Reprodução/Betto Jr.

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Natal amplia faixa etária para D3 e data da segunda dose de Oxford

Natal amplia faixa etária para D3 e data da segunda dose de Oxford

Natal amplia a faixa etária para receber a terceira dose para pessoas com 87 anos e mais nesta quinta-feira (30). Podem receber esta nova dose quem tiver concluído o esquema vacinal, com duas doses ou dose única, há pelo menos seis meses. É necessário levar carteira de vacina, comprovante de residência e documento com foto.

Quem se vacinou com o imunizante da Oxford até 19 de Julho também deve procurar um dos pontos de vacinação levando cartão de vacina e comprovante de residência de Natal para receber a D2 e completar seu esquema vacinal. A SMS/Natal vai atender esse público a partir desta quinta-feira (30).

Para mais informações sobre a fila dos drives, documentação, prazos, locais de vacinação e perguntas frequentes, basta acessar a plataforma Natal Vacina através de vacina.natal.rn.gov.br.

PRIMEIRA DOSE

Pessoas a partir de 12 anos que ainda não tomaram a primeira dose, podem se dirigir a um dos drives de vacinação para atendimento. Para agilizar a vacinação é importante o cadastro prévio na RN Mais Vacinas.

SEGUNDA DOSE

CORONAVAC


As pessoas que completaram os 28 dias da primeira dose do imunizante Coronavac podem procurar as UBS do município ou qualquer drive-thru para receber a segunda dose.

OXFORD


UBS do município e todos os drives estarão com aplicação da D2 da Oxford para quem se vacinou até o dia 19 de julho.

Grávidas que tomaram a D1 de Oxford


As gestantes que tomaram a primeira dose com o imunizante Oxford e que, por recomendação do Ministério da Saúde, não tomaram a segunda dose poderão completar seu esquema vacinal com o imunizante da Pfizer e em todas as UBS do município ou qualquer ponto de aplicação.

PFIZER


A segunda dose da Pfizer está disponível nas UBS do município ou nos drives Nélio Dias, Palácio dos Esportes, Via Direta e Sesi para quem tomou a primeira dose até 06 de agosto.

TERCEIRA DOSE

Pessoas com 87 anos e mais e que não estejam acamadas e nem residem em instituições de longa permanência, que tenham completado o esquema vacinal, com duas doses, de qualquer imunizante (Coronavac, Oxford ou Pfizer) há pelo menos seis meses, estão aptas a receber a D3. Equipes da SMS/Natal também estão vacinando os acamados domiciliados que possuem cadastro nas UBS.

Foto: Joana Lima / Secom

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Sesap RN distribui primeiro lote de vacinas da Pfizer destinado à D3 de idosos do Estado

Sesap/RN distribui primeiro lote de vacinas da Pfizer destinado à D3 de idosos do Estado

Teve início na tarde desta sexta-feira (17), a distribuição o primeiro lote de vacinas contra a Covid-19 para a aplicação da D3 de reforço nos idosos do Rio Grande do Norte. A ação foi feita pela Secretaria de Saúde do Rio Grande do Norte (Sesap/RN), e segundo a pasta, foram encaminhadas aos municípios 20 mil doses da vacina Pfizer para esse público.

A orientação da secretaria aos municípios é de que a D3 deve começar pelos idosos acamados e aqueles que vivam em instituição de longa permanência. Além das doses de reforço que já foram encaminhadas, também foram distribuídas, para segunda dose, mais 73.750 vacinas, sendo 28.200 da Pfizer, 18.840 de CoronaVac/Butantan e outras 26.710 de AstraZeneca/Fiocruz, que voltou a ser distribuído, após uma paralisação temporária. Parte dessas vacinas foram recebidas no fim da tarde da quinta-feira (16).

Foto: Divulgação

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Prefeitura anuncia ampliação de público para a D2 da Pfizer e Oxford e D3 para idosos a partir dos 95 anos

Prefeitura anuncia ampliação de público para a D2 da Pfizer e Oxford e D3 para idosos a partir dos 95 anos

Natal amplia neste sábado as datas para as pessoas que se vacinaram com a primeira dose de Oxford até 15 de julho e para quem tomou a primeira dose de Pfizer até 29 de julho. Essas pessoas devem procurar um dos pontos de drive para tomarem a D2 e completarem os seus esquemas vacinais. Outro público que pode ser vacinado é o de idosos com 95 anos ou mais. Essa dose de reforço será aplicada nessa faixa etária independe do imunizante da D1, sendo necessário somente ter finalizado o esquema nós últimos seis meses.

Na segunda-feira, a SMS Natal começa a vacinar, com a dose de reforço, os idosos institucionalizados. Para receber a D2 e D3 as pessoas devem levar o cartão de vacinação, documento com foto e comprovante de residência de Natal. Todas as informações sobre a vacinação de Natal estão disponibilizadas no https://vacina.natal.rn.gov.br/.

Aos domingos os drives não funcionam, na segunda além dos quatro drives, o público em vacinação pode procurar uma das 35 UBS

Foto: Reprodução/Joana Lima/Secom

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado Vulcão Cumbre Vieja em La Palma não dá sinais de abrandamento Cocaína no Ceará tem tudo, menos o princípio ativo da droga