Tag Leitos de UTI - Por dentro do RN

Leitos de UTI

Cremern

Governo do Estado e Cremern firmam acordo para a ampliação de leitos de UTI no RN

O Governo do Rio Grande do Norte e o Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio Grande do Norte (Cremern) firmaram um novo acordo na justiça que vai permitir o aumento no número de leitos de UTI no estado. Com a nova pactuação, serão abertos 55 novos leitos, com o número podendo chegar a até 202.

O acordo foi celebrado na manhã desta quinta-feira (22), na 4ª Vara Federal. A audiência foi conduzida pela Juíza Federal Gisele Leite, em face do ajuizamento de Ação Civil Pública estruturante por parte do Cremern em desfavor do Estado do RN. Com a nova pactuação, há um aumento nos números de leitos inicialmente acordados na Justiça em 2013 e retificados em 2017.

No acordo anterior, havia sido pactuada a abertura de 158 leitos. Até o momento, 147 foram abertos, por força da ação civil. Além deles, havia ainda 30 leitos privados provisórios em contrato, totalizando 177 leitos.

Com a nova pactuação, a Ação Civil Pública passará a tutelar 202 leitos, com a abertura de mais 55 novos, sendo 10 em São José de Mipibu, 20 no Hospital Maria Alice Fernandes, 05 UTIN em Currais Novos (até novembro de 2021) e 20 leitos no Hospital da Mulher de Mossoró (até junho de 2022).

Após a abertura, os leitos somente poderão ser fechados por força de decisão judicial. Durante a audiência, as partes falaram a respeito da necessidade de criação de novos leitos de UTI. Na avaliação do presidente do Cremern, Marcos Jácome, o novo acordo foi importante: “Haveremos de avançar ainda mais em relação à qualificação desses leitos, desde sua regulação de acessibilidade, com controle do tempo ideal de permanência nesses leitos. Sempre com supervisão dos equipamentos adequados e da necessária habilitação dos profissionais para atuarem numa área tão especifica”, afirmou.

Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

UTIs

Covid-19: Rio Grande do Norte possui fila para leitos de UTI zerada

Na noite dessa segunda-feira, 19, o Rio Grande do Norte mantém zerada a fila por leitos de UTI destinados a pacientes com Covid-19. De acordo com o site Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos em todo o estado, haviam disponíveis 181 leitos críticos e nenhum paciente aguardando vaga.

De acordo com os números verificados pelo Por Dentro do RN, até às 20h30 desta segunda-feira, 49,01% dos leitos críticos estavam ocupados em todo o Estado. A situação está melhor na região Oeste, com 43,14% dos leitos ocupados. Depois, a Grande Natal apresenta 50,44% de ocupação de leitos, enquanto o Seridó tem 59,26% dos leitos ocupados.

Leitos de UTI no RN
Foto: Reprodução (Regula RN/LAIS/Sesap/Governo do RN)

Leitos de UTI no RN
Foto: Reprodução (Regula RN/LAIS/Sesap/Governo do RN)

Apesar do número baixo de ocupação, dois hospitais apresentam 100% de ocupação dos leitos críticos: O Hospital da Solidariedade, mantido pela Liga Mossoroense Contra o Câncer, em Mossoró, e a Maternidade Divino Amor, em Parnamirim. Na capital, nenhum hospital monitorado pelo Regula RN apresenta ocupação máxima de leitos de UTI.

Nesta segunda-feira, o Rio Grande do Norte registrou 715 novos casos de COVID-19, totalizando 353.610 casos confirmados. Foram confirmadas, ainda, mais 32 mortes, sendo 7 nas últimas 24 horas – são, ao todo, 7014 óbitos causados pelo Coronavírus.

Foto: Reprodução/Sandro Menezes

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

É #FAKE que o Midway Mall vai cobrar pelo estacionamento Como consultar valores a receber com o Banco Central Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado