Pamella Holanda

Caso Pamella Holanda: juíza indefere pedido de DJ Ivis que tentava impedir divulgação das agressões

Após tentar impedir na Justiça que Pamella Holanda divulgasse conteúdos expondo as agressões que cometeu contra ela, DJ Ivis teve o pedido negado pela juíza Maria José Sousa Rosado de Alencar, da Comarca de Fortaleza. No requerimento, Ivis ainda queria que Pamella fosse proibida de fazer menção ao caso de agressão na imprensa. Nas duas situações, porém, a magistrada cearense indeferiu os pedidos.

As informações dão conta que o artista procurou um advogado para fazer o pedido à juíza horas após publicar supostas imagens, em suas redes sociais, mostrando que quem seria o agredido e que estaria apenas “se defendendo”. No processo que moveu contra Pamella Holanda, a acusando de calúnia, a defesa de DJ Ivis argumenta que “na data de hoje, após as 15 horas [ela] comunicou a imprensa fatos mentirosos relativos à violência doméstica veiculada em site na internet prejudicial a sua reputação”, diz o pedido.

A magistrada, que era a plantonista no Plantão Judiciário do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), alega que é “impossível analisar o pedido, além do que a concessão de tal pretensão, nos moldes formulados representaria afronta ao direito fundamentada livre expressão da imprensa”. A decisão cabe recurso.

Foto: Reprodução/Twitter

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.