Educadora física e coordenadora do curso de Educação Física da Estácio, Maria Lúcia Sebastião orienta quem tem exercícios como meta para 2022

Educadora física e coordenadora do curso de Educação Física da Estácio, Maria Lúcia Sebastião orienta quem tem exercícios como meta para 2022

Maria Lúcia Sebastião é docente da Estácio dá dicas sobre como retomar rotina de atividades físicas após um ano de sedentarismo.

Com a chegada de 2022, muitos aproveitam a virada de ano para inserir novos hábitos no dia a dia. Metas e resoluções são traçadas e, com diversos benefícios para a saúde, a prática de exercícios físicos sempre entra na lista a ser cumprida ao longo do novo ciclo.

Nesse cenário, a coordenadora do curso de Educação Física da Estácio, Maria Lúcia Sebastião, oferece algumas dicas para quem vai aproveitar o período de recesso para começar ou retomar uma rotina de atividades físicas.

“Uma das primeiras recomendações é a pessoa procurar uma modalidade de exercício que gosta para que essa atividade não se torne um fardo, e sim um hobby, mais fácil de aderir ao longo do ano. Ela pode escolher entre dança, musculação, esportes em grupo, como futebol, vôlei, entre outros”, indica a docente.

De acordo com levantamento realizado em 2020 pela Fiocruz em parceria com a UFMG, 62% dos brasileiros deixaram de fazer exercícios físicos durante a pandemia. Esse quadro de sedentarismo pode acarretar problemas ergonômicos, ortopédicos e, em casos mais graves, vasculares.

Para quem não quer fazer parte dessa estatística, a educadora física orienta um check-up médico como um dos primeiros passos. “É importante ir ao médico para checar se o corpo se apresenta bem, livre de alguma implicação ou restrição. Logo depois, a pessoa deve procurar um profissional da área de Educação Física que seja qualificado para orientar as atividades. E, principalmente para aqueles que buscam o exercício como forma de emagrecimento, a alimentação também deve ser cuidada com o acompanhamento de um nutricionista”, diz Maria Lúcia Sebastião.

Aproveitar o veraneio no litoral pode ser uma boa oportunidade para começar com o pé direito. Caminhada, corrida e até exercícios de alta intensidade, como funcional e crossfit, podem ser realizados na areia. “O mais interessante de praticar esses exercícios ao ar livre é que acaba sendo uma escapada na rotina, especialmente para quem ainda está em home office”, diz.

Entretanto, a especialista lembra da necessidade do uso de tênis mesmo nesse ambiente, porque os calçados protegem os pés e diminuem a sobrecarga nos joelhos, quadril e coluna. “Hoje em dia existem diversas opções de tênis para cada modalidade escolhida, então é importante procurar o modelo certo para o que deseja praticar”, destaca Maria Lúcia.

Foto: Divulgação

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.