Sérgio Moro deve decidir destino político no dia 1º de novembro, véspera do dia de finados

Sergio Moro deve decidir destino político no dia 1º de novembro, véspera do dia de finados

O ex-juiz e ex-ministro da Justiça e Segurança Pública do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Sergio Moro, definiu um novo prazo para informar a apoiadores e partidos políticos se pretende disputar as eleições presidenciais de 2022. As informações são da Veja. Segundo a revista, a resposta de Moro deve acontecer no dia 1º de novembro, véspera do dia de finados.

A data marcada é quando os caciques do Podemos, partido que pretende filiá-lo para uma candidatura da chamada terceira via, devem voltar a conversar com o ex-juiz.

A data também coincide sobre a provável resposta sobre seu destino político, que leva em conta o fato de que, até o dia 1º de novembro, ele saberá se ficará por mais um ano como contratado da consultoria americana Alvarez & Marsal ou se retornará em definitivo ao Brasil para entrar em uma carreira política.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.