Argentina anuncia congelamento de preços por 90 dias

Argentina anuncia congelamento de preços por 90 dias para ‘controlar a inflação’

A Argentina anunciou o congelamento de preços de mais de mil produtos da cesta básica em uma tentativa de conter a inflação. O prazo é de 90 dias. O anúncio foi feito pelo governo do país, que tem um dos índices mais altos do mundo. Em 2021, a inflação na Argentina acumula 37%. “O congelamento de preços desses 1.247 produtos será uma âncora para a inflação”, afirmou ontem o secretário de Comércio Interior, Roberto Feletti.

Segundo Felleti, os preços dos produtos, que correspondem a alimentação e limpeza, devem recuar até 1º de outubro e permanecer inalterados até 7 de janeiro. “O fundamental é frear a inflação e garantir um trimestre de muito consumo”, disse o secretário à rádio El Uncover.

Foto: Casa Rosada/Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.