Romeu Zema diz que beneficiários do auxílio emergencial 'gastam o dinheiro em bar'

Romeu Zema diz que beneficiários do auxílio emergencial ‘gastam o dinheiro em bar’

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), disse nesta segunda-feira (5), durante coletiva de imprensa, que parte do dinheiro do ou quase a totalidade do auxílio emergencial “vai pra o boteco”. A fala ocorreu durante durante o anúncio do pagamento de um auxílio financeiro estadual de R$ 600 para famílias em situação de extrema pobreza de Minas.

Nós sabemos que, infelizmente, muitas pessoas ao receberem esse dinheiro não fazem uso adequado do mesmo, vão para o bar, para o boteco, e ali já deixam uma boa parte ou quase a totalidade do que receberam. Então, se ele [auxílio] fosse pago de forma parcelada, muito provavelmente a sua efetividade social teria sido maior”, disse o governador.

Romeu Zema ainda diz preferir que o auxílio seja pago de forma parcelada.

Foto: Reprodução/Gil Leonardi/Imprensa MG

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.