Professores da rede estadual pedem reajuste e aprovam indicativo de greve

Professores da rede estadual pedem reajuste e aprovam indicativo de greve

Os professores da rede estadual de ensino aprovaram o indicativo de greve na tarde da quarta-feira (2.fev.2022). A paralisação foi aprovada em assembleia do Sindicado dos Trabalhadores em Educação Pública do RN (Sinte/RN) devido à falta de proposta por parte do governo do Estado no pagamento do reajuste para o piso salarial da categoria, estipulado em 33,24% pelo Governo Federal.

O sindicato também deliberou a realização de um ato público em defesa do piso na sexta-feira (4.fev.2022) em frente à sede da Governadoria, no Centro Administrativo, em Natal. Segundo o Sinte/RN, a data foi escolhida por estar agendada uma audiência com o Governo para tratar do reajuste dos professores.

Com o indicativo de greve, uma nova assembleia da categoria será realizada na segunda-feira, dia 7 de fevereiro, para avaliar o resultado da audiência entre o Sinte/RN e o Governo do Estado do dia 4 de fevereiro. Em caso de não haver acordo entre as partes, o sindicato pretende deflagrar a greve da rede pública no dia 14 de fevereiro.

Foto: Divulgação/Por Dentro do RN

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.