Polícia Civil abre investigação para apurar exibição de suástica em condomínio de Mossoró

Polícia Civil abre investigação para apurar exibição de suástica em condomínio de Mossoró

Suástica em condomínio de Mossoró teria sido fruto de um trabalho escolar do filho, disse o morador do local; Polícia Civil investiga.

A Polícia Civil está investigando as imagens feitas por moradores do Condomínio Veronique, em Mossoró, que mostram uma suástica nazista em um quadro. O material foi colocado na sacada de uma casa dentro do condomínio.

“A Polícia Civil do Rio Grande do Norte informa que, sobre o caso veiculado como sendo na cidade de Mossoró/RN, em que um artefato com uma suástica teria sido fotografado em propriedade privada, nenhuma denúncia formal foi registrada na Instituição, até o momento. No entanto, a 2ª Delegacia de Polícia de Mossoró está diligenciando para obter mais informações e esclarecer os fatos”, explicou em nota.

O flagra foi feito por vizinhos da residência. Em nota, a administração do condomínio Veronique afirmou que “não houve nenhuma reclamação ou denúncia formal sobre o fato narrado” e lamentou que “ainda nos deparemos com a reprodução de símbolos que remontam ou fazem apologia a um dos momentos mais cruéis e desumanos de nossa história”.

O morador da casa também se pronunciou por nota. No texto, ele afirma que o material é um trabalho antigo da escola do filho e que foi colocado por um prestador de serviço que faz uma manutenção na residência. “Há pelo menos 3 ou 4 anos, meu filho fez um trabalho na escola que discorria sobre esse tema, dentro outras artes havia essa imagem em uma espécie de tabuleiro”, pontuou.

A nota traz ainda um pedido de desculpas. “Nossa casa não é e nunca será lugar de culto nem muito menos de homenagem ao holocausto ou qualquer outro ato nazista. Reforço aqui o meu pedido de desculpas a todas as pessoas de bem que de alguma forma sofreram ou se sentiram ofendidas por tantas lembranças ruins que essa imagem possa ter trazido”, completou.

De acordo com a Polícia Civil, “apologia ao nazismo é crime definido na Lei 7.716/89, que prevê pena de 2 a 5 anos de reclusão para a fabricação, comercialização ou veiculação de símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação do nazismo”.

A Polícia Civil relembra que a população pode realizar denúncias, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Foto: Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.