Marília Mendonça morreu após queda de avião que a transportava para shows em Minas Gerais

O avião que levava a cantora Marília Mendonça para Minas Gerais caiu em uma cachoeira na Serra de Piedade, nesta tarde de sexta-feira (05.nov.2021).

O avião, um Beechcraft King Air C90-A, de prefixo  PT-ONJ,  pertence à empresa PEC Táxi Aéreo e tinha a licença válida para transportar passageiros, mas tinha problemas com a Anac.

AERONAVE TINHA LICENÇA PARA TÁXI

A assessoria da cantora chegou a anunciar que ela e os passageiros da aeronave haviam sido resgatados com vida, mas o Corpo de Bombeiros emitiu nota confirmando a notícia fatal.

ASESSORIA ANUNCIA RESGATE E BOMBEIROS NEGAM

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais informa que nesta sexta (5), ocorreu a queda de uma aeronave de pequeno porte, modelo Beech Aircraft, na zona rural de Piedade de Caratinga. O CBMMG confirma que a aeronave transportava a cantora Marília Mendonça e que ela está entre as vítimas fatais.

LEIA A NOTA OFICIAL

Nos stories publicados horas antes do acidente, Marília Mendonça avisou que estava indo para Minas Gerais, onde realizaria alguns shows durante o final de semana.

CANTORA GRAVOU STORIES ANTES DO ACIDENTE

Marília Mendonça tinha 26 anos e deixa filho, que completa dois anos em dezembro; Léo Mendonça Huff é fruto do relacionamento da cantora com Murilo Huff.

CANTORA DEIXA FILHO DE QUASE DOIS ANOS

Quer ficar ainda mais bem informado sobre o que acontece no Rio Grande do Norte, no Brasil e no mundo?

Imagens: Creative Media Commons (Wikipedia) Redes sociais da artista Corpo de Bombeiros (MG)