Bolsonaro nega ter acusado presidente da Anvisa de corrupção e se diz surpreso com carta: 'Agressiva' - Por dentro do RN
Bolsonaro nega ter acusado presidente da Anvisa de corrupção e se diz surpreso com carta 'Agressiva'

Bolsonaro nega ter acusado presidente da Anvisa de corrupção e se diz surpreso com carta: ‘Agressiva’

Carta do presidente da Anvisa foi escrita após Bolsonaro questionar o interesse do órgão em aprovar as vacinas para crianças.

Durante entrevista a uma rádio e que foi retransmitida em suas redes sociais, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL) negou ter acusado o diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra Torres, de corrupção. “Eu me surpreendi com a carta dele. Carta agressiva, não tinha motivo para aquilo. Eu falei o que estava por trás do que a Anvisa vem fazendo. Não acusei ninguém de corrupção. Por enquanto, não tenho nada que fazer no tocante a isso aí”, disse Bolsonaro.

Bolsonaro também avaliou o trabalho da agência e comentou sobre a nomeação de Barra Torres para o cargo, que ocorreu no início do seu governo. “Eu acho que a Anvisa, acredito que o trabalho poderia ser diferente. Eu o nomeei para lá. Depois da nomeação, ele ganhou luz própria. Eu espero que ele acerte na Anvisa. Mas nós não tivemos nenhum atrito a ponto tal de ele falar que eu tinha que indicar qualquer indício de corrupção”, considerou o presidente.

No último sábado (8.jan.2022), o presidente da Anvisa, Barra Torres, divulgou uma nota direcionada ao presidente Bolsonaro em que nega a existência de interesses ocultos por trás da aprovação da vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a covid-19. Barra Torres pediu retratação ao presidente Bolsonaro sobre fala relacionada ao assunto e solicitou que se o presidente tiver informações que indiquem corrupção deveria determinar investigação policial.

Na semana passada, Bolsonaro havia dito, também entrevista a uma rádio, que tinha questionamentos sobre a aprovação da vacina da Pfizer pela Anvisa contra o novo coronavírus para crianças. “Qual o interesse da Anvisa por trás disso aí?”, perguntou o presidente.

Foto: Alan Santos/PR/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado Vulcão Cumbre Vieja em La Palma não dá sinais de abrandamento Cocaína no Ceará tem tudo, menos o princípio ativo da droga