Governo do Rio Grande do Norte planeja novos concursos já para 2022 - Por dentro do RN
Concursos Rio Grande do Norte

Governo do Rio Grande do Norte planeja novos concursos já para 2022

O Governo do Rio Grande do Norte planeja abrir novos concursos em 2022; nas áreas da educação, saúde, segurança, além do Detran/RN. As informações são da Secretaria de Estado da Administração (Sead/RN), divulgadas hoje pelo jornal Tribuna do Norte. Atualmente, o Estado tem três certames em andamento: Polícia Civil do Rio Grande do Norte, com 301 vagas; Instituto Técnico Científico de Perícia (Itep), com 340 disponíveis; e Fundação de Atendimento Socioeducativo (Fundase), com 500 a disposição. Para os dois primeiros, as inscrições já estão encerradas. Em relação à Fundase, ainda não há previsão para o edital.

De acordo com a Sead, na atual gestão foram feitas aproximadamente 7 mil contratações, entre efetivas e temporárias, especialmente nas áreas da saúde, devido a pandemia da Covid-19, e da segurança pública. “Há muito tempo o Estado não fazia concurso, mas essa gestão vem fazendo. A gente contratou 1.360 policiais, colocamos 1.024 na praça, e estamos colocando o restante, agora neste ano, na praça após curso de formação. Além disso, nós contratamos bombeiros militares e contratamos bastante policiais penais, fizemos vários concursos temporários para a área da Saúde, por conta da Covid. E chamamos também o pessoal efetivo da Saúde, do concurso que está em vigor”, afirmou o subsecretário de recursos humanos da Sead, Ediran Teixeira.

A Administração planeja, a longo prazo, suprir as necessidades dos profissionais no estado, que hoje é de aproximadamente 7 mil servidores. Há a expectativa de que em 2022 sejam iniciados os processos dos concursos para a Educação, profissionais de saúde da Polícia Militar e Departamento Estadual de Trânsito (Detran/RN). Também há demanda por novos servidores e reposição de vagas no Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária (Idiarn) e no Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema).

Mas a pasta também alerta que novas convocações esbarram em impeditivos jurídicos e na falta de recursos, uma vez que as novas seleções dependem do aumento da receita. Apesar dos impasses, a titular da Sead, Virgínia Ferreira, acredita que as convocações que acontecerão ainda neste ano darão um fôlego novo ao funcionalismo público.

Foto: Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

É #FAKE que o Midway Mall vai cobrar pelo estacionamento Como consultar valores a receber com o Banco Central Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado