Nova Escola Potiguar dará ao RN o Instituto de Educação Profissional, Tecnologia e Inovação - Por dentro do RN
Nova Escola Potiguar (Elisa Elsie)

Nova Escola Potiguar dará ao RN o Instituto de Educação Profissional, Tecnologia e Inovação

Programa Nova Escola Potiguar prevê a construção e recuperação de escolas, além da inauguração do IERN, Instituto nos moldes do IFRN.

O governo do Rio Grande do Norte lançou, nesta sexta-feira (30), o Programa Nova Escola Potiguar. Em solenidade na Escola de Governo, que contou com a presença da governadora Fátima Bezerra, além de diversas autoridades, entre políticos e secretários, o governo afirmou que o programa propõe uma revolução na educação do estado.

O programa prevê a construção de 10 novas escolas, a reforma de pelo menos 60 e a recuperação de outras 100 em todo o estado até o final de 2022. Além disso, também será criado Instituto Estadual de Educação Profissional, Tecnologia e Inovação (IERN).

Nova Escola Potiguar (Elisa Elsie)
Foto: Elisa Elsie/Governo do RN

Segundo o governo, o programa terá aproximadamente R$ 400 milhões em recursos. Deste valor, R$ 280 milhões são de precatórios do antigo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundef), e outros R$ 120 milhões são recursos próprios do Governo do Estado.

Com cinco eixos, o Programa Nova Escola Potiguar prevê a construção do IERN, que terá o mesmo modelo dos Institutos Federais (IFs). Os novos campi serão construídos e mantidos pelo Estado. Os primeiros municípios a receberem unidades do IERN serão: Natal, Touros, São José de Mipibu, Tangará, Santana do Matos, Jardim de Piranhas, Campo Grande, Umarizal, Alexandria, São Miguel, Mossoró e Areia Branca.

Nova Escola Potiguar (Elisa Elsie)
Foto: Elisa Elsie/Governo do RN

A segunda etapa do programa conta com a construção de 10 novas escolas-padrão. Há ainda a Geração Conectada (eixo 3), que é um apanhado de programas pedagógicos com foco na inovação. Segundo o Governo, são novos laboratórios de informática nas escolas, novos equipamentos para os estudantes incluindo tablets, além de internet através da infovia potiguar.

Também está no projeto a Modernização da Gestão (eixo 4), com a valorização e capacitação dos professores através de programas de formação inicial e continuada com foco nas aprendizagens e na melhoria dos recursos para os profissionais da Educação, e ainda a Superação do Analfabetismo (eixo 5).

Fotos: Elisa Elsie/Governo do RN

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

É #FAKE que o Midway Mall vai cobrar pelo estacionamento Como consultar valores a receber com o Banco Central Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado