Caso Hardison Caio: Dupla confessa participação em morte de fisioterapeuta em Mossoró - Por dentro do RN
Caso Hardison Caio: Dupla confessa participação em morte de fisioterapeuta em Mossoró

Caso Hardison Caio: Dupla confessa participação em morte de fisioterapeuta em Mossoró

A morte do fisioterapeuta Hardison Caio Marcelino da Silva, de 29 anos, é dada como elucidada pela Delegacia de Homicídios e de Proteção à Pessoa de Mossoró (DHPP Mossoró). Isso porque os dois suspeitos de matar o rapaz foram presos e confessaram o crime. O corpo foi encontrado, nesta segunda-feira (9.mai.2022), em uma estrada carroçável no bairro Santa Delmira, zona oeste de Mossoró.

Hardison Caio foi encontrado morto com sinais de violência, enrolado em uma rede, dentro de um matagal, às margens da rua Raimundo Nonato de Sousa. O local onde o corpo se encontrava foi apontado por um dos possíveis autores do crime. O carro da vítima, um Citroen de cor vermelha, foi localizado com um dos pneus furado, próximo a uma praça no mesmo bairro. Na ação, os policiais civis prenderam Vinícius Rafael Silva de Araújo, de 20 anos, e apreenderam um adolescente de 17 anos. Eles confessaram ter matado o fisioterapeuta.

A dupla também é apontada como autora de um outro crime, cometido em abril, com o mesmo modo de execução. Durante o depoimento, Vinícius Rafael e o adolescente confessaram ter matado, no dia 5 de abril deste ano, Bruno Allyson, no bairro Barrocas em Mossoró. Segundo eles, a motivação teria sido a mesma nos dois casos: as vítimas teriam contratado um programa por meio de um aplicativo de relacionamentos e não teriam pagado ao final do encontro.

Caso Hardison Caio: Dupla confessa participação em morte de fisioterapeuta em Mossoró
Foto: Reprodução/Rede sociais

“Assim que nós tomamos conhecimento do desaparecimento de Hardison Caio, começamos os trabalhos investigativos. Chegamos ao encontro do veículo e, a partir disso, ao nome dos suspeitos. Conseguimos localizar um deles e ele indicou onde o corpo teria sido jogado, O homem foi encaminhado para a delegacia de plantão, autuado em flagrante por homicídio. Já o adolescente, que teria participado juntamente com a pessoa maior, nós fomos à residência dele, conversamos com os familiares e posteriormente o mesmo se apresentou à delegacia de plantão e contou toda a versão dos fatos”, explicou o delegado Rafael Arraes.

O delegado também ressaltou que ambos os crimes estão sendo tratados como latrocínio: “Segundo os autores, eles utilizavam aplicativos de relacionamento e seriam garotos de programa. Marcaram um encontro com a vítima e, segundo eles, devido ao desentendimento com o pagamento do programa, teriam executado a vítima. Mas, em decorrência de outro crime no mês de abril, de outro homossexual – que teve o mesmo modo de execução, que foi por estrangulamento, e também houve produtos roubados, a DHPP acredita que seriam dois latrocínios, com os mesmos autores”, acrescentou o delegado.

O adolescente foi encaminhado ao Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório e Vinícius Rafael foi encaminhado à cadeia pública de Mossoró. A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Foto: Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

É #FAKE que o Midway Mall vai cobrar pelo estacionamento Como consultar valores a receber com o Banco Central Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado