IMD abre inscrições de cursos técnicos para alunos do Ensino Médio da rede pública do RN - Por dentro do RN
IMD abre inscrições de cursos técnicos para alunos do Ensino Médio da rede pública do RN

IMD abre inscrições de cursos técnicos para alunos do Ensino Médio da rede pública do RN

O Instituto Metrópole Digital, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (IMD/UFRN) abriu na última quarta-feira (8.jun.2022) as inscrições para ingresso em seus Cursos Técnicos em Tecnologia da Informação (TI). A oportunidade oferece 790 novas vagas, destinadas a estudantes do Ensino Médio da rede pública do RN.

Fruto de uma parceria com a Secretaria Estadual de Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer (SEEC/RN), a seleção tem inscrições abertas até o dia 18 de julho, as quais podem ser feitas on-line por meio do site da Comperve, sem pagamento de taxa. Para esta chamada, não haverá a realização de prova: o modo de seleção será baseado na média das notas de Matemática e Português do 9º ano do ensino fundamental.

Ofertados de forma gratuita e no modelo semipresencial, os cursos técnicos têm vagas abertas para Natal, Angicos, Caicó, Mossoró e Pau dos Ferros. Na capital potiguar, serão oferecidas formações em Informática para Internet, Redes de Computadores, Eletrônica, Automação e Jogos Digitais.

Já nas cidades do interior, os cursos serão de Redes de Computadores, com exceção de Pau dos Ferros, onde serão ministradas aulas de Informática para Internet.

Do total de 790 vagas, 550 são reservadas para Natal e 60 para cada um dos outros municípios. A seleção terá resultado final divulgado no dia 21 de julho, não sendo necessário que o candidato esteja matriculado em algum programa de ensino da UFRN.

Cursos técnicos

Nas cidades do interior do estado, as aulas dos Cursos Técnicos acontecerão exclusivamente à noite, em parceria com a Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA) e com o Centro de Ensino Superior do Seridó (CERES).

Já em Natal, as atividades acontecerão em turmas dos períodos matutino, vespertino e noturno. Durante toda a formação, os alunos são acompanhados por profissionais do IMD, responsáveis por conduzir atividades pedagógicas e oferecer conteúdo de maneira flexível e direcionada, tanto on-line como presencial.

Segundo o coordenador dos cursos Marcel Oliveira, uma das principais portas de entrada no IMD é a formação técnica.

Financiados pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) do Ministério da Educação (MEC), os cursos contam com uma grade curricular com carga horária variável, entre 1 mil e 1,2 mil horas, organizadas nos eixos de informação e comunicação.

Foto: Agência Brasília/VisualHunt

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

É #FAKE que o Midway Mall vai cobrar pelo estacionamento Como consultar valores a receber com o Banco Central Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado