Operação prende suspeitos e afasta policiais militares envolvidos em homicídios

Operação prende suspeitos e afasta policiais militares envolvidos em homicídios

Ação visa combater a violência em Macaíba e região metropolitana de Natal

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), realizou a “Operação Paz Macaíba” entre os dias 4 e 6 de julho, cumprindo dois mandados de prisão e afastando dois policiais militares. A ação, que incluiu buscas e apreensões em Natal, Parnamirim e Macaíba, tem como objetivo combater crimes de homicídio na região.

Dois homens, ambos de 43 anos, foram presos sob suspeita de envolvimento em homicídios ocorridos em 2022 e 2023 em Macaíba. Os suspeitos contaram com a participação de dois policiais militares, que foram afastados de suas funções e estão sendo investigados.

A operação foi desencadeada em 26 de maio de 2024, após um aumento nos casos de homicídios em Macaíba, que registrou 13 ocorrências entre abril e maio. Desde então, houve uma redução de 84,6% nos homicídios, com apenas dois casos reportados até o momento.

As investigações continuam, e a Polícia Civil solicita que a população forneça informações de forma anônima pelo Disque Denúncia 181.

Foto: Arquivo/Polícia Civil/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

MAIS LIDAS DO DIA

Casas Bahia abre vagas para PCD no Nordeste São João em Natal: Edição 2024 será mais modesta, diz prefeito Pesquisa Prefeitura de Natal 2024: Carlos Eduardo lidera levantamento do Instituto Seta MPRN recomenda que governo do RN não aumente salários nem faça concursos para evitar colapso fiscal Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal