Exportação de Melão para o Chile é triplicada pelo Rio Grande do Norte

Rio Grande do Norte triplica capacidade de exportação de melão para o Chile

O Rio Grande do Norte pode aumentar a exportação de melão para o Chile, um dos seus mais importantes parceiros comerciais. O estado, que é o maior produtor de melão do Brasil, passou de quatro fazendas e três empacotadeiras em 2020 para mais 13 fazendas e 11 empacotadeiras habilitadas em 2021, triplicando a capacidade de exportação das frutas potiguares ao país sul-americano.

Brasil e Chile têm acordo para exportação de melão e melancia frescos

Brasil e Chile têm um acordo bilateral para exportação do fruto e ainda da melancia frescos. O acordo é renovado anualmente, baseado em critérios como a certificação fitossanitária e o monitoramento das propriedades produtoras. Atualmente, o Rio Grande do Norte possui acordo de exportação com países como Estados Unidos, Argentina, Holanda, Portugal, Emirados Árabes Unidos, Rússia, Alemanha e Espanha.

Foto: Assessoria Sebrae

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.