TSE desmente fake news de que eleitor sem biometria não poderá votar em 2022

TSE desmente fake news de que eleitor sem biometria não poderá votar em 2022

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) desmentiu a informação falsa que circula nas redes sociais de que o eleitor sem biometria cadastrada não poderá votar nas eleições de 2022. O procedimento de coleta das digitais do eleitorado pela Justiça Eleitoral é utilizado para identificar eleitoras e eleitores no dia do pleito.

O TSE esclareceu que a notícia não é verdadeira. Segundo o tribunal, desde as eleições municipais de 2020, o cadastro biométrico está suspenso em todo o Brasil como forma de prevenção ao contágio da Covid-19, uma vez que a coleta das digitais só pode ser feita presencialmente. Ainda de acordo com o TSE, nenhum eleitor sem biometria será proibido de votar. A ausência da biometria não impede, por si só, o exercício do voto.

Identificação biométrica no dia da eleição

O TSE explicou ainda que, em atendimento ao Plano de Segurança Sanitária elaborado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), feito em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e os hospitais Albert Einstein e Sírio-Libanês, não houve identificação biométrica dos eleitores nas Eleições de 2020.

Entretanto, o uso da biometria (para quem havia feito o cadastro antes da pandemia) nas Eleições Gerais de 2022 ainda é objeto de estudos pela Justiça Eleitoral e depende da evolução da crise sanitária provocada pelo novo coronavírus no país. Com isso, até o momento, não há nenhuma definição quanto ao protocolo sanitário a ser seguido durante as Eleições 2022.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês