É ruim ser divergente? Por Alexandre Vitor - Por dentro do RN
É ruim ser divergente? Por Alexandre Vitor para o Por Dentro do RN

É ruim ser divergente? Por Alexandre Vitor

Por Alexandre Vitor
Para o Por Dentro do RN

É sempre difícil lidar com os pensamentos diferentes dos seus. Pode-se até tolerar, mas muitas vezes não aceitamos a divergência de opiniões. Essa é uma das mais pertinentes discussões na trilogia de livros Divergente. Escrito pela autora Verônica Roth, a história reflete um mundo futurista em que a população é dividida em cinco facções (grupos), onde cada um deles exerce funções predeterminadas para o funcionamento da sociedade.

Nesse meio, encontra-se Beatrice Prior, que se descobre Divergente, condição rara em que o indivíduo não se encaixa em apenas uma facção. Isso é tido como uma ameaça para a população, podendo comprometer o todo o sistema. Por esse motivo, Beatrice precisa manter sigilo e não pode confiar em ninguém para seguir sua jornada.

A obra nos mostra que o diferente nem sempre é bem aceito.  também discute sobre a imposição para que você “faça parte” e se adeque ao que é socialmente aceitável, deixando de lado alguns aspectos da própria identidade para poder se encaixar em grupos. Esse assunto é discutido há milhares de anos e sempre continua atual: a intolerância com o diferente e a necessidade de pertencer.

Os livros formam em conjunto uma trilogia, as quais possuem um bom enredo. Os dois primeiros livros realmente são muito bons, contudo, o terceiro possui uma narrativa diferente e por isso não agrada muitos aos fãs. Nela, há um conflito nada convincente e que muitas vezes parece encher linguiça.

Fora da história original, ainda há um quarto livro, que tem acontecimentos dois anos antes dos originais, com o ponto de vista de Tobias, um dos principais personagens da série, também muito bom e que resgata um pouco do ânimo da franquia depois do terceiro livro.

Os três foram baseados para suas respectivas adaptações cinematográficas. O primeiro (Divergente) consegue seguir fielmente a trama, embora haja erros frequentes na ordem cronológica dos acontecimentos. O segundo (Insurgente) começa a desandar em algumas questões de fidelidade a obra original, e por vezes corta personagens importantes da história. O terceiro (Convergente) em que o livro já não é tão bom assim, sai dos trilhos completamente, principalmente em relação ao final.

Por mais que não tão bem adaptados de modo geral, vale a pena dar uma analisada para tirar suas próprias conclusões. O livro vale muito a pena. A leitura é leve, descomplicada e envolvente.

Fica a dica e uma boa semana.

Foto: Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Sobre Alexandre Vitor, colunista do portal Por Dentro do RN

Alexandre Vitor Papiro é Louco Por Dentro do RN

Alexandre Vitor tem 14 anos e prefere ser chamado de Vitor; é um escritor iniciante e tem um conto publicado no Wattpad. Além disso, o autor tem como hobbies a leitura, a cozinha e a prática de esportes. Desde pequeno, Alexandre Vitor se interessa por literatura. Aos 11 anos, decidiu que queria ser escritor e até já tinha vários manuscritos, mas nunca colocou nada adiante.
O jovem articulista da coluna O Papiro é Louco, aqui no Por Dentro do RNconsidera-se um leitor eclético, ou seja, aberto a quase todos os temas, mas confessa que fantasia e aventura são seus gêneros favoritos. É proibida a reprodução total ou parcial deste texto sem autorização do autor e sem a inserção dos créditos, de acordo com a Lei nº 9610/98.

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

É #FAKE que o Midway Mall vai cobrar pelo estacionamento Como consultar valores a receber com o Banco Central Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado