RN registrou 300 ataques criminosos em oito dias

RN registrou 300 ataques criminosos em oito dias

Pelo menos 168 pessoas já foram presas

O Rio Grande do Norte registrou 300 ataques criminosos em oito dias, entre 14 de março e 21 de março. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Segurança Pública do estado nesta quarta-feira (22.mar.2023). Pelo menos 168 pessoas já foram presas.

Nesta terça-feira (21.mar.2023), oito casos foram registrados pelas autoridades. O governo afirma que os números ainda podem mudar, dependendo das investigações em curso.

Segundo dados do governo, o número de ataques diminuiu diariamente desde 14 de março, quando foram registradas 105 ocorrências, até o domingo (19.mar.2023), quando ocorreram apenas sete ataques.

No entanto, na segunda-feira (20.mar.2023), houve um aumento de pelo menos um caso em comparação com o dia anterior, totalizando oito ataques. O mesmo número foi registrado na terça-feira (21.mar.2023).

De acordo com a polícia, os ataques são comandados por uma facção criminosa e visaram prédios públicos, comércios e veículos. Desde o início dos ataques, a polícia prendeu 168 suspeitos e apreendeu 42 armas de fogo, 139 artefatos explosivos, 31 galões de combustível, 14 motos e 2 carros.

Foto: Reprodução/Redes sociais

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

MAIS LIDAS DO DIA

Casas Bahia abre vagas para PCD no Nordeste São João em Natal: Edição 2024 será mais modesta, diz prefeito Pesquisa Prefeitura de Natal 2024: Carlos Eduardo lidera levantamento do Instituto Seta MPRN recomenda que governo do RN não aumente salários nem faça concursos para evitar colapso fiscal Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal