Polícia resgata vítimas de extorsão mediante sequestro em Macaíba

Polícia resgata vítimas de extorsão mediante sequestro em Macaíba

Um homem foi preso em flagrante por extorsão mediante sequestro e roubo

Três vítimas de extorsão mediante sequestro foram resgatadas pela Polícia Civil após estourarem um cativeiro na cidade de Macaíba, na Região Metropolitana de Natal, na madrugada desta quinta-feira (4.mai.2023). Um homem foi preso em flagrante por extorsão mediante sequestro e roubo. Ele teria recebido dinheiro de uma das vítimas por meio de PIX.

O suspeito estava associado a um grupo de pelo menos quatro pessoas que invadiu uma granja na zona rural de Macaíba, roubou objetos e ameaçou colocar fogo no local caso a quantia de R$ 100 mil não fosse paga. Durante a ação, o caseiro da granja também foi preso, tendo em seu desfavor dois mandados de prisão.

Os policiais civis foram acionados após a invasão da granja e, ao chegarem ao local, os suspeitos fugiram para uma área de mata. Eles foram identificados e estão sendo procurados pela polícia. As vítimas foram resgatadas sem ferimentos. A polícia solicita que informações anônimas sejam enviadas através do Disque Denúncia 181.

Foto: Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês