Motorista embriagado causa acidente em Natal

Motorista embriagado causa acidente em Natal

Condutor tentou escapar subindo em um galpão, mas foi impedido pelas autoridades

Um motorista embriagado foi preso em Natal na manhã deste sábado (13.mai.2023) após causar um grave acidente de trânsito na Avenida Coronel Estevam. Segundo a polícia, o homem estava dirigindo na contramão quando atingiu dois carros, derrubou proteções e invadiu a calçada da Escola Municipal Professor Zuza, no bairro Nossa Senhora de Nazaré, Zona Oeste da capital.

Apesar da tentativa de fuga, o motorista foi contido pela população algumas ruas depois até a chegada da Polícia Militar, que deu voz de prisão ao suspeito. Algumas pessoas teriam agredido o motorista, que foi encontrado com escoriações. Ele ainda tentou escapar subindo em um galpão, mas foi impedido pelas autoridades.

Motorista embriagado causa acidente em Natal 2

Durante a abordagem, o homem confessou que havia passado a noite consumindo bebidas alcoólicas e estava embriagado no momento do acidente. Ele também afirmou que perdeu o controle do veículo ao tentar fazer uma ultrapassagem. Apesar da gravidade do acidente, ninguém ficou ferido nos outros veículos envolvidos na colisão.

Fotos: Lucas Cortez/Inter TV Cabugi

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês