RN tem aumento de pessoas desaparecidas em 2023

RN tem aumento de pessoas desaparecidas em 2023

Itep-RN lançou o projeto “Desaparecidos” em 2021 para ajudar as famílias a encontrar parentes que sumiram e possam estar na listagem do órgão

O número de pessoas desaparecidas no Rio Grande do Norte teve um aumento de cerca de 3% nos primeiros quatro meses de 2023, em comparação com o mesmo período do ano passado. Foram registradas 203 ocorrências de desaparecimento, segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed). Em todo o ano de 2022, 619 pessoas foram dadas como desaparecidas no estado.

Em resposta a esse cenário, o Instituto Técnico-Científico de Perícia do RN (Itep-RN) lançou o projeto “Desaparecidos” em 2021 para ajudar as famílias a encontrar parentes que sumiram e possam estar na listagem do órgão.

Recentemente, o projeto foi estendido com a listagem de corpos não identificados no site do Instituto para que as pessoas possam verificar as informações dos corpos que deram entrada no instituto. Desde 2012, cerca de 300 pessoas foram sepultadas sem a família fazer o reconhecimento no Itep.

A orientação para familiares de pessoas desaparecidas é registrar um boletim de ocorrência em uma delegacia e, em seguida, ir ao Itep para preencher um questionário e fornecer documentação. O projeto “Desaparecidos” tem como objetivo reduzir o número de casos de pessoas desaparecidas e identificar corpos não reconhecidos para que sejam sepultados com o devido reconhecimento familiar.

Foto: Arquivo/POR DENTRO DO RN/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês