Mulher é encontrada morta em casa em Lajes

Mulher é encontrada morta em casa em Lajes

A vítima apresentava sinais de violência, aparentemente causados por facadas

Uma mulher foi encontrada morta em sua residência no município de Lajes, região central do Rio Grande do Norte, no sábado (20.mai.2023). A vítima, identificada como Jamila Mariana da Silvia, de 33 anos, natural de Pedro Avelino, apresentava sinais de violência, aparentemente causados por facadas.

A Polícia Militar (PM) foi acionada por volta das 18h40 e, minutos depois, o suspeito do crime, que era o marido da vítima, foi capturado e preso pelo 14º Batalhão da PM na cidade de Caiçara do Norte, distante cerca de 95 km.

Após a prisão, o suspeito foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de São Paulo do Potengi, responsável pelas investigações. Segundo informações divulgadas pela polícia, o homem confessou ter cometido o crime, porém, a motivação para o assassinato ainda não foi revelada.

O Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP-RN) realizou a identificação oficial da vítima e constatou que ela foi vítima de múltiplas facadas. As autoridades continuam as investigações para esclarecer os detalhes do caso.

Foto: Arquivo/POR DENTRO DO RN/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês