Ator Jeff Machado é encontrado morto em baú enterrado no Rio

Ator Jeff Machado é encontrado morto em baú enterrado no Rio

Jeff era formado em jornalismo e cinema e estava no ar na novela Reis, da Record

O corpo do ator Jeff Machado, de 44 anos, foi encontrado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro na última segunda-feira (22.mai.2023), enterrado em um baú coberto por concreto a dois metros de profundidade em Campo Grande, na zona Oeste do Rio de Janeiro

Ele estava desaparecido desde 17 de janeiro, quando saiu de uma festa no bairro. O corpo foi encontrado em estado avançado de decomposição, com os braços amarrados acima da cabeça e ferimentos no pescoço. O baú onde o corpo de Jeff estava guardado é similar a outros modelos encontrados na casa do ator, em Vargem Grande, também no Rio.

A Polícia Civil já ouviu a proprietária e alguns vizinhos do imóvel onde ele foi encontrado e a investigação tenta agora determinar quais seriam as motivações por trás do crime e a identidade dos autores.

Jeff Machado era formado em jornalismo e cinema e estava no ar na novela Reis, da Record. Familiares notaram seu desaparecimento após o ator ter abandonado oito cães, dos quais dois morreram durante sua ausência.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês