Advogado e mulher são presos por fraudar venda de imóvel de R$ 1 milhão

Advogado e mulher são presos por fraudar venda de imóvel de R$ 1 milhão

Dupla teria falsificado documentos de idosa proprietária do terreno

Um advogado de 45 anos e uma mulher de 57 anos foram presos nesta segunda-feira (30.out.2023) por suspeita de fraudar a venda de um imóvel localizado na praia de Areia Preta, na zona Leste de Natal. O terreno, avaliado em mais de R$ 1 milhão, foi vendido para terceiros “de boa-fé”.

De acordo com a investigação da Polícia Civil, a mulher e o advogado teriam falsificado documentos de identidade com os dados de uma idosa, proprietária do imóvel. Na posse desses documentos, eles teriam obtido procurações e escrituras de venda do terreno.

O homem teria atuado como corretor imobiliário e a dupla teria induzido a erro escreventes de dois cartórios de Natal, que acabaram lavrando os documentos públicos.

Os dois suspeitos já haviam sido investigados anteriormente pela prática de estelionato. A mulher, inclusive, tem passagem pelo sistema penitenciário estadual.

A operação “THOTH” foi deflagrada por policiais civis da Delegacia Especializada de Falsificações e Defraudações de Natal (DEFD/Natal), com o apoio de equipe da 53ª Delegacia de Polícia Civil (DP de Paus dos Ferros). Na ocasião, foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva em desfavor do homem e da mulher.

Os suspeitos foram encaminhados para o sistema prisional, onde permanecerão à disposição da Justiça.

Foto: Arquivo/POR DENTRO DO RN/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês