Caminhão-cegonha pega fogo na BR-304

Caminhão-cegonha pega fogo na BR-304

Carreta transportava nove veículos da marca Toyota; causas do incêndio serão apuradas

Um caminhão-cegonha carregado com nove veículos da marca Toyota pegou fogo na BR-304, próximo ao município de Itajá, no Oeste do Rio Grande do Norte, na manhã desta quarta-feira (1°.nov.2023). O motorista, um homem de 35 anos, sofreu queimaduras leves e foi encaminhado ao Hospital Regional Tarcísio Maia, em Mossoró.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o caminhão teria pegado fogo por volta das 7h40, na altura do km 123 da rodovia. A carreta seguia sentido de Natal.

Além da cabine do caminhão, pelo menos dois carros transportados foram danificados pelas chamas. O Corpo de Bombeiros foi acionado e teve que usar aproximadamente 15 mil litros de água e espuma para conter as chamas.

O condutor informou ao Corpo de Bombeiros que sentiu um forte calor dentro da cabine do veículo. Logo em seguida, ela começou a pegar fogo. Ele chegou a ser atingido pelas chamas, mas conseguiu sair do veículo.

O motorista ainda informou que acredita que o incêndio pode ter sido causado um problema no sistema de ar-condicionado do veículo, mas os bombeiros informaram que as causas ainda serão apuradas.

A via não ficou interditada.

Foto: Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês