Mossoró passa a receber voos comerciais para Natal e Fortaleza

Mossoró passa a receber voos comerciais para Natal e Fortaleza

As rotas serão operadas pela VoePass, pertencente à Latam Airlines, e ocorrerão quatro vezes por semana

O Aeroporto Dix-Sept Rosado, localizado em Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte, passou a receber voos comerciais para Natal e Fortaleza a partir da segunda-feira (1º.jan.2024). As rotas serão operadas pela VoePass, pertencente à Latam Airlines, e ocorrerão quatro vezes por semana.

O objetivo do Governo do Estado é beneficiar o turismo de negócios na região Oeste do Rio Grande do Norte, que é produtora de petróleo, gás, fruticultura, além de operar com cargas, setor de serviços, entre outros.

“Os voos Mossoró-Natal e Mossoró-Fortaleza melhorarão a conectividade como um todo, fortalecendo a interiorização do turismo, bem como a conectividade com outros voos, tanto a partir de Natal, bem como a partir de Fortaleza, permitindo a chegada de outros destinos para a região”, explica Solange Portela, secretária de Turismo do Estado do Rio Grande do Norte.

As rotas Mossoró-Natal e Mossoró-Fortaleza terão capacidade para até 70 passageiros. Os voos Natal-Mossoró terão partida às 10h55 e chegada às 11h55, às segundas, quartas, sextas e domingos. Já os voos Mossoró-Natal terão partida às 15h55, com chegada à capital potiguar às 16h55.

Os voos Mossoró-Fortaleza terão partida às 12h35 e chegada à Fortaleza às 13h30, às segundas, quartas, sextas e domingos. A rota Fortaleza-Mossoró terá partida às 15h55, chegando à Mossoró às 16h55.

A chegada da VoePass a Mossoró foi viabilizada principalmente devido ao acordo do Governo do Estado com a Latam, que isenta o imposto sobre o combustível de aviação, também conhecido como QAV. O decreto tem o intuito de estimular as empresas a ampliarem o número de voos para o estado.

O processo de tramitação para que a Infraero, empresa pública nacional vinculada ao Ministério de Portos e Aeroportos, assumisse a administração do Aeroporto de Mossoró também foi um fator importante para a chegada da nova companhia aérea. A Infraero assumiu o local em setembro deste ano.

Com a ampliação da conectividade, o turismo de negócios na região Oeste do Rio Grande do Norte deve ser impulsionado. A região é um importante polo produtivo e logístico, com destaque para a indústria petrolífera, a fruticultura e o comércio.

Foto: Arthur Araújo BASV/VisualHunt/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês