PRF encerra Operação Ano Novo com redução de acidentes e mortes no RN

PRF encerra Operação Ano Novo com redução de acidentes e mortes no RN

Fiscalização flagrou 164 ultrapassagens indevidas, 51 condutores sem capacete e 20 sem DRC

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, na noite desta segunda-feira (1º.jan.2024), a Operação Ano Novo 2024 no Rio Grande do Norte. A ação, que teve início na última sexta-feira (29.dez.2023), focou na promoção da segurança pública e viária nas rodovias federais do estado.

Durante os quatro dias de operação, a PRF fiscalizou 1.744 pessoas e 1.492 veículos. Foram flagrados 164 casos de ultrapassagens indevidas, 51 condutores ou passageiros sem capacete, 20 crianças sem dispositivo de retenção (DRC) e 64 sem uso do cinto de segurança.

Quanto à embriaguez ao volante, 27 motoristas foram autuados e 15 pessoas presas.

No período foram contabilizados 11 acidentes, três deles graves. Houve uma redução de 62% no número de acidentes graves, em comparação com o ano de 2022. Também houve uma redução de 42% no número de pessoas feridas. Não houve registro de vítimas fatais.

A Operação Ano Novo é a segunda ação da PRF de reforço na fiscalização de trânsito e prevenção de acidentes no âmbito do Programa Rodovida, que começou em dezembro do ano passado e vai até depois do carnaval. A meta é diminuir o número de acidentes, mortes e feridos no trânsito do Brasil.

Foto: Divulgação/PRF

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês