Câmara Municipal de Natal (comissão)

Câmara Municipal de Natal aprova, em comissão, projetos de transparência na pandemia

Em reunião na Câmara Municipal de Natal, vereadores aprovaram, nesta quarta-feira (9), projetos voltados para trazer maior transparência nos recursos utilizados pelo Município no combate ao novo coronavírus.

Na ocasião, houve a apreciação de 22 projetos com finalidades distintas. De acordo com o vereador e presidente da comissão, Raniere Barbosa, do Avante, a Comissão da Câmara Municipal de Natal conseguiu zerar a pauta do dia com a apreciação de projetos que tratavam, dentre outras coisas, sobre acessibilidade e transparência.

Transparência na pandemia

Além disso, o vereador também deu parecer favorável ao projeto da vereadora Divaneide Basílio, do PT, que determina a prestação de contas quinzenalmente, no que concerne às despesas do Poder Executivo com a pandemia em Natal.

Ainda com o mesmo objetivo, o vereador Felipe Alves, do PSDB, foi autor de um projeto que determina a divulgação integral, no Portal da Transparência, dos valores recebidos pela Prefeitura de Natal.

Transporte público de qualidade

No que se refere ao transporte coletivo municipal, o vereador Preto Aquino, do PSD, foi o relator do projeto que visa à melhoria dos pontos de ônibus para pessoas com mobilidade reduzida.

Já Robério Paulino, do PSOL, defende a modernização da frota dos ônibus da capital, dando condições dignas para que a população possa se locomover de maneira adequada e segura.

Cultura, lazer, esporte e saúde pública

Entre outras matérias que passaram pela comissão, o vereador Herberth Sena, do PL, foi o relator do projeto “Ruas de Cultura, Lazer e Esporte”, e a vereadora Camila Araújo, do PSD, relatou um projeto que dispõe sobre a inclusão no Sistema de Saúde Municipal de políticas públicas de saúde que favoreçam o diagnóstico precoce e tratamento da fibromialgia.

Por fim, a vereadora Ana Paula, do PL, foi a relatora de projeto que institui a semana de conscientização sobre o lixo eletrônico.

Foto: Francisco de Assis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.