Estudo mostra que as glândulas salivares são 'reservatórios' do novo coronavírus - Por dentro do RN

Estudo mostra que as glândulas salivares são ‘reservatórios’ do novo coronavírus

Análises foram feitas durante autópsias de pacientes que faleceram em decorrência do novo coronavírus; as glândulas salivares funcionam como “reservatórios” da Covid-19

Um estudo desenvolvido por pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP), que teve resultados publicados no Journal of Pathology, mostra que o novo coronavírus (SARS-CoV-2), causador da Covid-19, infecta e se replica em células das glândulas salivares. As informações são da Agência Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

Segundo o estudo, constatado por meio de análises de amostras de glândulas salivares, obtidas na autópsia de pacientes que morreram em decorrência da Covid-19, os tecidos especializados na produção e secreção de saliva funcionam como “reservatórios” do novo coronavírus.

É o primeiro relato de vírus respiratório capaz de infectar e se replicar nas glândulas salivares. Até então, acreditava-se que apenas vírus causadores de doenças com prevalência muito alta, como o da herpes, usavam as glândulas salivares como reservatório. Isso pode ajudar a explicar por que o SARS-CoV-2 é tão infeccioso”, disse à Agência Fapesp o primeiro autor do estudo, Bruno Fernandes Matuck, doutorando na Faculdade de Odontologia da USP.

As biópsias foram guiadas por ultrassom em 24 pacientes, com idade média de 53 anos, que morreram em decorrência da Covid-19. Foram extraídas amostras de tecidos das glândulas parótida, submandibular e menores. O material foi submetido a análises moleculares para identificação da presença do vírus. De acordo com a pesquisa, os resultados indicaram a presença do vírus em mais de dois terços das amostras.

“Observamos vários vírus aglomerados nas células das glândulas salivares, um indicativo de que estão se replicando em seu interior. Não estavam presentes nessas células passivamente”, disse Matuck. A partir dos resultados obtidos, os pesquisadores pretendem avaliar, agora, se a boca pode ser uma porta de entrada direta do novo coronavírus nos humanos.

Foto: Débora Barreto/Fiocruz

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

É #FAKE que o Midway Mall vai cobrar pelo estacionamento Como consultar valores a receber com o Banco Central Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado