Praça de Sagi, em Baía Formosa, completa um mês sem energia elétrica e moradores protestam

Praça de Sagi, em Baía Formosa, completa um mês sem energia elétrica e moradores protestam

Uma praça na praia de Sagi, no município de Baía Formosa, no Litoral Sul do Rio Grande do Norte, está há um mês sem energia. Nesta segunda-feira (30), os moradores se reuniram para protestar contra a escuridão que toma conta da praça e na quadra de esportes da comunidade.

Segundo os moradores, a Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern) cortou a ligação alegando a existência de uma ligação clandestina na praça localizada na praia de Sagi “Eles vieram, disseram que tinha um ‘gato’, cortaram a luz e foram embora. Disseram mais nada”, disse Ceiça Cardoso, moradora da região. Até o momento, segundo os moradores, nenhuma providência foi tomada por parte da Prefeitura.

“Eles culpam a gestão anterior e não fazem nada. Independente de quem seja a culpa, providências têm que ser tomadas. A população não pode pagar pela irresponsabilidade de gestores”, diz a moradora. O secretário de Obras de Baía Formosa, Nivaldo Melo, informou ao Portal G1 RN que a Prefeitura solicitou a ligação da energia no local há aproximadamente 25 dias.

Foto: Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

MAIS LIDAS DO DIA

Casas Bahia abre vagas para PCD no Nordeste São João em Natal: Edição 2024 será mais modesta, diz prefeito Pesquisa Prefeitura de Natal 2024: Carlos Eduardo lidera levantamento do Instituto Seta MPRN recomenda que governo do RN não aumente salários nem faça concursos para evitar colapso fiscal Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal