Laudo revela causa da morte de Paulinha Abelha, ex-cantora da banda Calcinha Preta

Laudo Laudo revela causa da morte de Paulinha Abelha, ex-cantora da banda Calcinha Preta

Uma mistura fatal de 16 substâncias pode ter sido crucial para a causa da morte de Paulinha Abelha, ex-vocalista da Calcinha Preta.

O laudo feito após a morte da cantora Paulinha Abelha, da banda Calcinha Preta, foi divulgado neste domingo (6.mar.2022) no programa “Domingo Espetacular” da RecordTV. De acordo com a emissora, quatro doenças foram apresentadas como responsáveis pelo falecimento da artista: meningoencefalite, hipertensão craniana, insuficiência renal aguda e hepatite.

Segundo a reportagem, a primeira doença, meningoencefalite, é uma inflamação do cérebro e dos tecidos vizinhos, comumente causada por uma infecção. Além da causa da morte de Paulinha Abelha, a origem do colapso ainda está sendo investigada. A reportagem também mostrou que um outro documento, denominado de painel toxicológico, encontrou 16 substâncias no corpo da ex-cantora, entre eles anfetaminas e barbitúricos, que podem ser o caminho para mais respostas sobre o caso.

Uma medicação tarja preta frequentemente no tratamento do Transtorno do Déficit de Atenção (TDAH) foi encontrado no corpo da artista. Entre os efeitos adversos ao remédio, estão a redução de apetite, perda de peso, náuseas e vômito. A medicação fazia parte de uma receita médica fornecida pela nutróloga que acompanha a artista.

Segundo a reportagem exibida na TV, a médica também receitou antidepressivo, redutor de apetite, calmantes naturais, estimulantes, cápsulas para memória e uma fórmula que promete reduzir medidas.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês