Governadora afirma que atentados no RN diminuíram 60%

Governadora afirma que atentados no RN diminuíram 60%

Segundo Fátima Bezerra, ônibus voltarão a circular ainda nesta tarde

Em entrevista coletiva concedida à imprensa na tarde desta quarta-feira (15.mar.2023), a governadora Fátima Bezerra informou que houve uma redução de cerca de 60% nos ataques criminosos nas últimas 24 horas em comparação com o dia anterior.

O clima ainda é preocupante e merece toda a atenção, mas a atuação das nossas forças de segurança já tem dado resultados, com uma redução de 60% nos ataques comparando da segunda até esta quarta-feira pela manhã. Tivemos cerca de 27 ataques no geral, mas desta terça para quarta-feira houve uma redução porque foram contabilizados apenas 10 ataques hoje“, afirmou Fátima Bezerra.

A governadora também garantiu que os ônibus voltarão a circular já nesta tarde. Embora os ônibus tenham retomado as atividades nesta manhã, eles foram forçados a parar novamente devido a novos ataques realizados pelos criminosos, principalmente a ônibus. No entanto, segundo Gilvan Silva, diretor-executivo do Sintro, a categoria ainda não decidiu se irá retornar às atividades neste momento.

De acordo com a governadora, as ações do governo colaboraram para a redução dos crimes, e a Força Nacional, que já está no estado, está nas ruas. Além disso, Fátima disse que está trabalhando em parceria com os estados da Paraíba e Ceará para combater o crime organizado e evitar novos atentados.

Segundo o governo, a situação nos presídios é o motivo dos ataques, que estão sendo organizados por uma facção. A Secretaria de Segurança Pública informou que os presos estariam reivindicando televisão e visitas íntimas.

Nesta quarta-feira (15.mar), familiares dos presos fizeram um protesto pedindo melhores condições. Desde 2022, um relatório do Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura (MNPCT) aponta situações alarmantes nas unidades prisionais.

Sobre isso, Fátima Bezerra afirmou: “Nosso governo jamais compactuará com qualquer medida arbitrária. Jamais. Portanto, essas denúncias serão investigadas pelo próprio governo. Temos feito um grande esforço aqui para avançar nos projetos de ressocialização na área de educação e preparação para o trabalho. Será realizada uma investigação profunda para apurar a veracidade dessas denúncias“.

Foto: Pedro Trindade/Inter TV Cabugi

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

MAIS LIDAS DO DIA

Assine nossa Newsletter

Casas Bahia abre vagas para PCD no Nordeste São João em Natal: Edição 2024 será mais modesta, diz prefeito Pesquisa Prefeitura de Natal 2024: Carlos Eduardo lidera levantamento do Instituto Seta MPRN recomenda que governo do RN não aumente salários nem faça concursos para evitar colapso fiscal Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal