Associação Cultural Trapiá apresenta Menino Pássaro

Associação Cultural Trapiá apresenta Menino Pássaro

A Associação também promoverá oficinas de Iniciação Teatral nas cidades onde o espetáculo será apresentado

Inspirado no cordel de Edcarlos Medeiros, o espetáculo Menino Pássaro narra a história da amizade de um pássaro e um menino que usa cadeira de rodas. Juntos, eles aprendem que é preciso liberdade para crescer em meio à insegurança e ao medo da solidão.

A encenação marca a fase Semear do projeto Trapiá Semente e será apresentada em cinco municípios do Rio Grande do Norte: São José do Seridó (10), São Fernando (17), Ipueira (22) e Ouro Branco (24). O primeiro município a receber o espetáculo foi Santana do Seridó, onde crianças e adolescentes se reuniram no Espaço Cultural Felino Ivo Bezerra, no dia 03, para conhecer a fábula que utiliza referências da cultura regional para evocar as vivências da infância nos sertões.

Vencedor do prêmio Melhor Espetáculo Cênico do Troféu Cultura RN 2022, Menino Pássaro é mais um trabalho que traz o sertão como espaço de desenvolvimento da trama numa tentativa de mostrar um sertão conectado com o resto do mundo, como explica a Associação Cultural Trapiá.

Na encenação, a música que sai do rádio e que tanto marca as vidas dos sertanejos é o elemento que une o passado e o presente das personagens. Para criar essa conexão, foram escolhidas músicas de dez países, algumas delas orquestradas e outras interpretadas em seis línguas diferentes, além de músicas do folclore e cantigas populares.

Outros dois elementos de destaque no espetáculo são a utilização de boneco e máscara que contracenarão com os atores, o que dá ao espetáculo um caráter híbrido, e o cenário, concebido para ser adaptado para espaços diversos, aproximando atores e público, mantendo sempre a ideia de um terreiro em que as personagens vivenciam suas experiências na cena.

Além da apresentação do espetáculo, a Associação também promoverá oficinas de Iniciação Teatral nos cinco municípios a fim de incentivar a criação de grupos de teatro no Seridó. O foco desta vez será a iniciação teatral.

Voltadas para adolescentes e jovens contemplados pelo projeto Trapiá Semente em 2022, a oficina terá como objetivos estimular a imaginação e a criatividade a partir de exercícios de expressividade cênica, estimular o senso de coletividade e preparar os grupos para a montagem de seu primeiro espetáculo.

“Ao assistir ao espetáculo, eles já começam a compreender que para criar um espetáculo profissional de teatro é necessário passar por várias etapas de uma montagem. Então, a gente leva a oficina de iniciação teatral e já inicia com dinâmicas de grupos, com jogos teatrais para mostrar que a gente precisa preparar o corpo, mas também a mente de cada integrante do grupo para montar um espetáculo de teatro profissional. No projeto Trapiá Semente, eles vão passar por todo este passo a passo. A nossa expectativa é que esse pontapé inicial possa contribuir para a formação de vários grupos de teatro e, principalmente, para a montagem do espetáculo deles”, afirma Alexandre Muniz, facilitador da oficina e ator da Trapiá Cia Teatral.

Através da experimentação de jogos teatrais, que incluem desde aquecimentos e improvisos até dinâmicas que envolvem os diversos níveis de inteligência lúdica, motora, afetiva e intelectual, a oficina abordará o desenvolvimento inicial do aluno nas práticas cênicas, aplicando técnicas de desenvoltura corporal e finalizando com improvisações de cenas curtas.

Alexandre ressalta que não se trata apenas de facilitar uma oficina, mas de promover uma ação, cujo objetivo final é criar grupos de teatro e fomentar a montagem de novos espetáculos autorais no estado. “A região Seridó ainda carece de atividades assim. Então, iniciativas como essa dão um retorno muito significativo para esses jovens tanto no que diz respeito à formação de atores quanto à formação de arte educadores que começam a compreender melhor essa linguagem do teatro e da montagem de um espetáculo profissional. O projeto tem se mostrado muito eficaz em regiões que ainda carecem dessas atividades”, comenta.

Sobre o projeto Trapiá Semente

Dividido em quatro etapas (Semear, Regar, Florescer e Cultivar), o projeto Trapiá Semente foi desenvolvido para criar e profissionalizar grupos de teatro no Rio Grande do Norte, através da realização de oficinas de iniciação teatral, construção de instrumentos, criação de cena e direção de arte, da montagem de espetáculos com a orientação de arte-educadores, e também da apresentação de espetáculos da Trapiá Cia Teatral, como ‘As Pelejas de Baltazar’ e ‘Menino Pássaro’.

O projeto é assessorado pela Mapa Realizações Culturais e está sendo realizado através do edital Transformando a Energia em Cultura, do Instituto Neoenergia, e através da Lei Câmara Cascudo, com patrocínio do Governo do RN/Fundação José Augusto, da Neoenergia Cosern e apoio das prefeituras dos municípios, onde as oficinas serão realizadas.

Serviço:

Apresentações do espetáculo Menino Pássaro

10/05 ( 9h e 14h )– São José do Seridó, no Centro Paroquial Bento XVI
17/05 (9h e 17h30) – São Fernando, na Praça de eventos de São Fernando
22/05 (9h e 14h)– Ipueira, no Macedão
24/05 (9h e 14h)– Ouro Branco, na Quadra Michael Jackson

Oficina de Iniciação Teatral

10/05 ( 18h ) – São José do Seridó, no Espaço da Arte
17/05 (18h) – São Fernando, no Espaço do ensino integral
22/05 (18h) – Ipueira, no Cemureb
24/05 (18h) – Ouro Branco, na Secretaria de Assistência social

Foto: Divulgação

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês