Operação combate crime de armazenamento de conteúdo de abuso sexual infantojuvenil em Mossoró

Operação combate crime de armazenamento de conteúdo de abuso sexual infantojuvenil em Mossoró

Segundo o MP, as investigações começaram em dezembro de 2022

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e a Polícia Civil deflagraram nesta sexta-feira (12.mai.2023) a operação Arcanjos VI para combater crimes cibernéticos de armazenamento de conteúdo com cenas de abuso sexual de crianças e adolescentes. Um homem de 43 anos, morador de Mossoró, é o suspeito.

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco/MPRN) e a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente de Mossoró apontaram que, em menos de dois meses, o suspeito armazenou em seu computador material que continha cenas de abuso sexual de crianças e/ou adolescentes. Essa prática constitui crimes previstos no Estatuto da Criança e Adolescente (ECA).

Ao todo, participaram do cumprimento do mandado de busca e apreensão uma promotora de Justiça, quatro servidores do MPRN, uma delegada de Polícia Civil e quatro agentes da PC.

Segundo o MP, as investigações começaram em dezembro de 2022, e as evidências colhidas serão analisadas pelo laboratório forense computacional do Gaeco/MPRN.

O MPRN reforça que continua recebendo denúncias anônimas de crimes, que podem ser realizadas pelo Disque Denúncia 127, WhatsApp ou e-mail. As denúncias podem levar à prisão de criminosos, denúncia de corrupção e crimes de qualquer natureza.

Foto: Divulgação/MPRN

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês