Bancada independente fecha questão contra aumento do ICMS

Bancada independente fecha questão contra aumento do ICMS

Projeto de lei que manteria alíquota em 20% por tempo indeterminado perde força

O Bloco Independente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte fechou questão contra o projeto de lei que visa manter a alíquota-modal do imposto estadual ICMS em 20% por tempo indeterminado a partir do ano que vem. A decisão foi anunciada nesta quinta-feira (23.nov.2023).

O grupo é formado pelos deputados Galeno Torquato (PSDB), Dr. Kerginaldo (PSDB), Ivanilson Oliveira (União Brasil) e Terezinha Maia (PL). Com a definição, diminuem muito as chances de o projeto ser aprovado.

A bancada governista é minoritária na Casa e, mesmo assim, pelo menos um parlamentar (Hermano Morais, do PV) já anunciou que votará contra a proposta.

Embora já rejeitado pela Comissão de Finanças e Fiscalização (CFF) por 5 votos a 2, em caráter terminativo, o projeto irá à plenário através de recurso da bancada governista. No entanto, o deputado Galeno Torquato atesta que o grupo também votará contra o recurso apresentado pelos deputados da situação.

“Adianto que nosso grupo também votará contra o recurso que solicita que o projeto de lei do aumento do ICMS seja votado em plenário”, reforça Galeno Torquato.

Pelo projeto aprovado em dezembro do ano passado, que majorou a alíquota de 18% para 20%, o aumento se estenderia apenas até 31 de dezembro do corrente ano.

Foto: Arquivo/POR DENTRO DO RN/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês