Mostra de Cinema de Gostoso anuncia vencedores e celebra marca de uma década de evento

Mostra de Cinema de Gostoso anuncia vencedores e celebra marca de uma década de evento

Entrega dos prêmios foi realizada, na noite desta terça-feira (28), com um encerramento cheio de celebração

A entrega da premiação da 10ª Mostra de Cinema de Gostoso foi realizada durante a cerimônia de encerramento, na noite desta terça-feira (28), na sala de cinema montada ao ar livre nas areias da Praia do Maceió, em São Miguel do Gostoso/RN. Ao todo foram cinco dias de exibições, além da realização de seminários, debates e palestras. A edição comemorativa dos 10 anos contou com convidados nacionais e internacionais, além de maior participação do público popular.

O anúncio das premiações foi feito pelos diretores da Mostra, Eugênio Puppo e Matheus Sundfeld, para uma plateia formada por atores, cineastas, diretores, jornalistas, estudantes, turistas, convidados e comunidade.

O filme “O Dia Que Te Conheci”, de André Novais Oliveira, foi escolhido o melhor longa-metragem pelo júri popular. E o filme “As Marias”, de Dannon Lacerda, o melhor curta-metragem.

O Troféu da Crítica foi para o filme “Saudade fez Morada Aqui Dentro”, de Haroldo Borges, na categoria Longa-metragem; e o filme “A Edição do Nordeste”, de Pedro Fiuza, na categoria curta-metragem.

Na categoria Menção Honrosa, o prêmio foi para o filme “Estranho Caminho”, de Guto Parente.

O Prêmio Mistika oferta R$ 35 mil reais em serviços de finalização de imagem para o filme “O Deserto de Akin”, além de mais 25 horas de estúdio de pós-produção de som aos filmes “O Deserto de Akin” e “A Voz de Deus”. Já o Prêmio DOT, com 35 mil reais de serviços de finalização de imagem será entregue ao filme “A Voz de Deus”.

A Mostra de Cinema de Gostoso aconteceu entre os dias 24 e 28 de novembro. A programação da 10ª edição contou com nove longas-metragens e 17 curtas-metragens de 11 estados brasileiros, distribuídos entre as mostras Competitiva, Panorama, Coletivo Nós do Audiovisual e Sessão Especial.

Neste ano, a parceria com a Petrobras viabilizou a inauguração de um novo espaço de exibição para a Mostra Panorama, batizado de Sala Petrobras. Localizada na praia do Maceió, em uma tenda climatizada em formato geodésico, a sala recebeu quatro longas e sete curtas-metragens.

“Chegarmos a 10ª edição é sem dúvida memorável e gratificante. Em uma década foram muitas as transformações que a Mostra passou, sempre para melhor e com muito trabalho e desafios. Encerrar essa edição, com as presenças de tantas pessoas, como realizadores, atores, diretores, jornalistas, críticos, público em geral, sendo muitos de vários estados brasileiros e que elogiaram muito a programação, é sensacional”, comemora Eugênio Puppo.

De acordo com Matheus Sundfeld, a Mostra de Cinema de Gostoso é uma das últimas mostras que acontecem no final do ano. “Nosso maior desafio é manter o olhar para a produção independente, não só para os filmes escritos, mas os que são exibidos em outros festivais e principais produtoras, de modo que essa é uma curadoria sempre mais complexa de se fazer por conta disso, por conta desse olhar para toda a produção do cinema independente brasileiro do ano”, declarou Matheus Sundfeld.

A 10ª Mostra de Cinema de Gostoso foi apresentada pela Petrobras e Salinor, através da Lei de Incentivo à Cultura, Ministério da Cultura. Contou com o patrocínio da Coca-Cola, Governo do Rio Grande do Norte, Fundação José Augusto, Lei Câmara Cascudo, Grupo Banco Mundial, Governo Cidadão e Governo do Rio Grande do Norte – Secretaria de Turismo. Com apoio institucional da Prefeitura Municipal de São Miguel do Gostoso e também o apoio da Interjato, Maxillusion, Visite RN, Emprotur, Pousada dos Ponteiros, Restaurante Balica, Sebrae-RN, Serveng, Inter TV, BrLab, DOT e Mistika. Realização: Heco Produções e CDHEC.

CONFIRA OS VENCEDORES DA 10ª EDIÇÃO

JÚRI POPULAR
Melhor Longa-metragem – “O Dia Que Te Conheci”, de André Novais Oliveira
Melhor Curta-metragem – “As Marias”, de Dannon Lacerda

JÚRI DA CRÍTICA
Melhor Longa-metragem – “Saudade Fez Morada Aqui Dentro”, de Haroldo Borges
Melhor Curta-metragem – “A Edição do Nordeste”, de Pedro Fiuza

MENÇÃO HONROSA
“Estranho Caminho”, de Guto Parente

Foto: Divulgação

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar