Defesa de Albert Dickson nega desvio de recursos públicos

Defesa de Albert Dickson nega desvio de recursos públicos

Advogado afirma que decisão é injusta e vai recorrer

O advogado Marcos Lanuce, que defende o ex-deputado estadual Albert Dickson, afirmou nesta quinta-feira (29.nov.2023) que a condenação do ex-parlamentar a 21 anos de prisão por desvio de recursos públicos é injusta.

“Respeitamos a decisão judicial, porém não concordamos com suas conclusões, por entender que há uma dissociação com a prova produzida nos autos”, disse Lanuce. “A decisão foi baseada em uma interpretação equivocada dos fatos, que não reflete a verdade dos acontecimentos.”

Lanuce afirma que Dickson é inocente e que não há provas de que ele tenha desviado recursos públicos. O advogado diz que o ex-deputado vai recorrer da decisão e confia que ela será revista pelas instâncias superiores.

“Estamos convictos de que a verdade prevalecerá e que a justiça será feita”, disse Lanuce.

A condenação de Dickson é a mais grave contra um político do Rio Grande do Norte nos últimos anos. O ex-deputado já havia sido condenado por improbidade administrativa em 2019.

Confira a nota na íntegra

NOTA A IMPRENSA

Conforme difundido na imprensa norte riograndense, o ex-parlamentar Albert Dickson teve contra si uma sentença penal condenatória, por fatos ocorridos nos anos de 2009 a 2011, ainda quando este exercia mandato de vereador junto a Câmara Municipal de Natal-RN.

Respeitamos a decisão judicial, porém não concordamos com suas conclusões, por entender que há uma dissociação com a prova produzida nos autos, a qual, em nenhum momento, aponta que o mesmo tivesse agido para desviar recursos públicos para si ou para terceiros.

Utilizaremos os recursos cabíveis nos momentos processuais pertinentes, e estamos convictos que a decisão será revista pelas instâncias judiciais superiores.

Reiteramos a confiança na Justiça, e cremos no restabelecimento da verdade dos fatos.

Marcos Lanuce

Advogado

Foto: Reprodução/ALRN/Ilustração/Arquivo

Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar