Justiça autoriza início das obras da trincheira na Alexandrino

Justiça autoriza início das obras da trincheira na Alexandrino

TRF-5 nega recurso de vereador e obra deve começar em breve

A obra da trincheira no cruzamento das avenidas Alexandrino de Alencar e Hermes da Fonseca, em Natal, está liberada para começar. A 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) negou provimento aos embargos declaratórios apresentados pelo vereador Daniel Valença (PT), que havia conseguido uma liminar impedindo o início da obra.

A decisão da Justiça Federal foi unânime. O relator do caso, desembargador federal Paulo Roberto de Oliveira Lima, afirmou que não há mais fundamentos para suspender a obra.

A licitação para a obra da trincheira Hermes/Alexandrino foi concluída e homologada no Diário Oficial do Município em 24 de abril deste ano. Com um custo de R$ 24,2 milhões, o prazo para início da obra não foi estipulado devido ao processo judicial.

Após a conclusão da trincheira viária, veículos que seguirem pela avenida Alexandrino de Alencar passarão por baixo da avenida Hermes da Fonseca, sem esperar abertura de semáforos, como ocorre atualmente.

A obra da trincheira da Alexandrino será tocada pela empresa TCPAV – Tecnologia em Construção e Pavimentação LTDA. A firma aceitou realizar o serviço pelo valor de R$ 24,2 milhões. A TCPAV assumiu o serviço que inicialmente seria realizado pela Potiguar Construtora, empresa que desistiu da obra na semana passada. O distrato do contrato foi publicado semana passada.

A construção da trincheira – uma espécie de túnel viário – deve durar cerca de nove meses.

Os recursos para a obra vem do Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR). Há ainda uma contrapartida de R$ 88 mil da Prefeitura de Natal. A STTU estima que circulam 74 mil veículos pelo cruzamento diariamente.

Foto: Arquivo/POR DENTRO DO RN/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Assine nossa Newsletter

Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar