Governo do RN assina empréstimo de R$ 427 milhões para recuperar rodovias

Governo do RN assina empréstimo de R$ 427 milhões para recuperar rodovias

Primeira operação de crédito liberada pelo PEF será usada para obras em estradas estaduais

O governo do Rio Grande do Norte assinou nesta terça-feira (9.jan.2024) um empréstimo de R$ 427 milhões com o Banco do Brasil. O valor será usado para recuperar as rodovias estaduais, segundo o Poder Executivo Estadual.

O contrato foi assinado em Brasília, pelo governador potiguar, Fátima Bezerra, e pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. A operação é a primeira do RN no Plano de Promoção do Equilíbrio Fiscal (PEF), anunciado em junho do ano passado.

A governadora Fátima Bezerra afirmou que os recursos serão fundamentais para melhorar a infraestrutura rodoviária do estado. “Com o início das obras, nós teremos a geração de emprego e renda para a população”, disse.

A adesão do RN ao PEF foi aprovada pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN) em setembro do ano passado. O estado tem a previsão de conseguir operações de crédito na casa de R$ 1,6 bilhão até 2026.

Segundo o governo do RN, os primeiros editais de licitação para as obras nas rodovias serão lançados nos próximos dias. As datas, no entanto, ainda não foram divulgadas.

Foto: Elisa Elsie/Governo do Estado/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês