Projeto Trapiá Semente inicia trabalho de inclusão social de jovens seridoenses pela arte

Projeto Trapiá Semente inicia trabalho de inclusão social de jovens seridoenses pela arte

Dividido nas etapas semear, regar, florescer e cultivar, Projeto definiu como meta para 2024, acesso a cursos e oficinas de teatro para 375 jovens de 10 municípios do Seridó potiguar

O que os municípios Jardim do Seridó, Tenente Laurentino Cruz, Florânia, São João do Sabugi e Timbaúba dos Batistas têm em comum? É que além de pertencerem ao Seridó Potiguar, eles foram escolhidos pelo Projeto Trapiá Semente como espaços de intervenção social na rotina de jovens seridoenses, que terão, ao longo de 2024, suas vidas transformadas através da arte. Entre os dias 5 e 7 de fevereiro, o Projeto dá início à primeira fase Semear, com a realização de visitas técnicas às novas cidades para montagem dos grupos de jovens, que serão despertados para a vivência teatral.

Nesta fase inicial, serão realizadas visitas técnicas às novas cidades, para consolidar parcerias com Prefeituras e Conselhos Municipais de apoio a crianças e adolescentes. Também serão entrevistados educadores e educadoras sociais, arte educadores e arte educadoras dos municípios. Além disso, a organização do Projeto também planeja conhecer e escolher o local de realização de cada uma das atividades e iniciar o processo de seleção dos 15 jovens de cada cidade, que irão participar da montagem dos espetáculos produzidos nas fases seguintes do Programa.

Para segunda, dia 5, as visitas técnicas acontecem no município de Jardim do Seridó. No período da tarde, os integrantes do Trapiá se reúnem para definir o cronograma de atividades. No dia seguinte, pela manhã, o Projeto segue para os municípios de Tenente Laurentino Cruz e Florânia. Na quarta-feira, dia 7, será a vez dos municípios de São João do Sabugi e Timbaúba dos Batistas receberem o Projeto.

“O jovem que participa do Trapiá Semente vive a oportunidade de abrir uma janela para um novo mundo. Os seis meses de convivência com o grupo provoca uma mudança de perspectivas para a vida, e essa mudança positiva acaba repercutindo na sua convivência junto a seus familiares e na comunidade como um todo. Daremos continuidade ao trabalho desenvolvido na edição anterior, retornando às cidades de Ouro Branco, São José do Seridó, São Fernando, Santana do Seridó e Ipueira, com a fase Cultivar envolvendo todos os jovens que participaram em 2023 em oficinas de dramaturgia, música e expressão corporal. Para este ano, a nossa perspectiva é participarmos ativamente da vida de 375 jovens.”, explica a produtora cultural da MAPA Realizações Culturais, Tatiane Fernandes.

Projeto Trapiá Semente

O Projeto Trapiá Semente é dividido em quatro fases – Semear, Regar, Florescer e Cultivar – o Trapiá Semente promove este ano, em 10 cidades da região Seridó, uma ação continuada junto a crianças, adolescentes e jovens para uma vivência no mundo do teatro.

O Projeto é uma realização da Associação Cultural Trapiá através da Lei Câmara Cascudo e iniciativa do Edital Transformando Energia em Cultura do Instituto Neoenergia. Tem patrocínio do Governo do Estado do Rio Grande do Norte, Secretaria Extraordinária de Cultura, Fundação José Augusto e Neoenergia Cosern, com produção da Mapa Realizações Culturais, e conta com apoio das Prefeituras Municipais e Conselhos Municipais das Crianças e Adolescentes.

Foto: Divulgação

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal PRF realizará leilão de veículos retidos no RN Concurso do TJRN tem mais de 54 mil inscrições Prefeito de São José do Campestre é morto a tiros em casa Governo do RN abre concurso para a Polícia Militar Bolsas da Capes e do CNPq: ministro afirma que reajustes devem ocorrer ainda este mês