Concurso Público Nacional Unificado tem data remarcada para 18 de agosto

Concurso Público Nacional Unificado tem data remarcada para 18 de agosto

Prova reunirá mais de 2,1 milhões de candidatos e oferecerá 6.640 vagas para 21 órgãos federais

O Concurso Público Nacional Unificado (CPNU) já tem nova data marcada: 18 de agosto. Após o adiamento devido ao desastre no Rio Grande do Sul, o certame reunirá mais de 2,1 milhões de candidatos, oferecendo 6.640 vagas em 21 órgãos da administração pública federal. O cronograma completo será divulgado em breve.

Todos os 18.757 malotes de prova foram recolhidos e checados, garantindo a integridade do material. A rede de segurança, coordenada pelo Ministério da Gestão e composta por diversas entidades, confirmou que não houve qualquer violação nos malotes. O Ministério da Gestão agora trabalha para garantir os locais de prova, priorizando a manutenção dos locais previamente definidos. No Rio Grande do Sul, haverá um esforço especial para garantir o acesso dos candidatos.

Os candidatos deverão acessar novamente os cartões de prova a partir do dia 7 de agosto, para confirmar se os locais de prova foram mantidos ou alterados. O cartão de confirmação de inscrição estará disponível na Área do Candidato, na mesma página em que foi realizada a inscrição, sendo necessário login com os dados da conta GOV.BR.

Foto: Nguyen Dang Hoang Nhu/Unsplash/Ilustração

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

MAIS LIDAS DO DIA

Assine nossa Newsletter

Casas Bahia abre vagas para PCD no Nordeste São João em Natal: Edição 2024 será mais modesta, diz prefeito Pesquisa Prefeitura de Natal 2024: Carlos Eduardo lidera levantamento do Instituto Seta MPRN recomenda que governo do RN não aumente salários nem faça concursos para evitar colapso fiscal Midway Mall comemora 19 anos com sorteio de três BYD zero quilômetro e desfile de moda Neoenergia Cosern é criticada por quedas de energia no Réveillon Festival MADA 2023 terá o ‘Baile da Amada’ Cosern é condenada a indenizar cliente por cobrança indevida por falha em medidor Influencer trans Flávia Big Big morre vítima de câncer Ambulância das drogas: Motorista do SAMU preso usava o veículo para transportar e vender maconha e cocaína Prefeitura de Natal lança concurso para procurador Lei Seca: Idoso é preso pela terceira vez dirigindo bêbado em Natal