Tag da Juventude - Por dentro do RN

da Juventude

Governo do Rio Grande do Norte promove Semana Estadual da Igualdade Racial III

Governo do Rio Grande do Norte promove Semana Estadual da Igualdade Racial

Em alusão ao Dia da Consciência Negra, o Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Estado das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (Semjidh) irá promover, entre os dias 14 e 20 de novembro, a I Semana Estadual de Promoção da Igualdade Racial.

Com o tema “Consciência Negra para eliminação do racismo e por ações afirmativas”, a programação irá contar com acampamento quilombola, exposição fotográfica e Feira Afro e Étnico-Racial, além da entrega da Comenda Jatobá, voltado a personalidades negras e ações de promoção da igualdade racial.

Instituída pela Lei nº 10.136/16, a Semana da Igualdade Racial visa a divulgar a cultura e a história negra no RN, promovendo um encontro dos diversos grupos populacionais negros, dos povos e comunidades tradicionais, quilombolas, indígenas, de religiões de matriz africana e afroameríndia, envolvendo essa população, as organizações e movimentos sociais, além de contribuir com o debate sobre o fortalecimento das políticas de promoção da igualdade racial no estado e com o combate ao racismo e à intolerância religiosa.

“A Semana da Igualdade Racial vai proporcionar um encontro dos diversos grupos populacionais negros do RN, bem como proporcionar e potencializar as ações que já vêm sendo realizadas em seus territórios. Marca também a retomada das ações presenciais da nossa Coordenadoria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Coeppir), seguindo todos os protocolos e recomendações necessárias”, explicou a coordenadora da Coeppir, Giselma Omilê.

A programação terá início neste fim de semana, na Comunidade Quilombola de Sobrado, em Portalegre, onde será realizado um acampamento voltado a quem quer conhecer um pouco da vivência das comunidades quilombolas, promovendo a cultura afrobrasileira e aproximando a sociedade de sua rotina, história e dinâmicas sociais.

Já na próxima semana, na terça-feira (16), será aberta a Exposição “Essência Negra – Retratos de Luta, Resistência, Dignidade e Amor”, dos fotógrafos Ana Albuquerque, Kaline Lucena e Rodrigo Campos, que percorreram o estado captando a história e vida de mulheres negras acima de 60 anos de comunidades quilombolas, de terreiros e lideranças negras. A mostra será composta por 22 retratos e estará aberta ao público até o dia 30 no Memorial Câmara Cascudo, na Cidade Alta.

Governo do Rio Grande do Norte promove Semana Estadual da Igualdade Racial

E encerrando a semana, no sábado (20), será a vez da Feira Afro e Étnico-Racial, que acontecerá no Largo da Estação das Artes, em Mossoró, das 9h às 20h. O evento tem por finalidade fomentar o afroempreendedorismo e levar aos mossoroenses a produção de organizações representativas que trabalhem com a promoção da Igualdade Racial no RN. “Trata-se de uma ação essencial para a população negra, considerando que essa é uma população que boa parte não está no mercado de trabalho formal e gera renda a partir da informalidade”, destacou Giselma Omilê.

Ainda em Mossoró, será entregue a Comenda Jatobá, que irá homenagear personalidades negras e ações de promoção da igualdade racial. Foram indicações referendadas e aprovadas pelo Conselho Estadual de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Conseppir) para dar visibilidade, tanto às ações de pessoas negras, mas também de profissionais que em seu campo de atuação tenham realizado ações de promoção da igualdade racial.

“Por meio de ações afirmativas que valorizem a história e a expressão dessas populações, garantido seu protagonismo e lugar de fala, a Semana da Igualdade Racial se soma a uma séria de iniciativas que o Governo do RN, por meio da Semjidh e de outras secretarias, vem realizando no sentido de garantir proteção social, combater o racismo e a intolerância religiosa”, disse a vereadora Júlia Arruda, titular da Semjidh , citando a criação do Departamento de Proteção a Grupos em Situação de Vulnerabilidade (DPGV) e da Delegacia Especializada no Enfrentamento a Crimes Raciais, Intolerância e Discriminação (DCRID).

A I Semana Estadual da Igualdade Racial é uma realização do Governo do Estado do Rio Grande do Norte por meio da Secretaria de Estado das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos em parceria com a Fundação José Augusto, Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar, Secretaria Estadual de Saúde, Universidade do Estado do Rio Grande do Norte e apoio do Sebrae e da Prefeitura de Mossoró.

Foto: Reprodução

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Fátima Bezerra recebe Projeto de Resgate à Memória de Nísia Floresta de grupo feminista Movimenta Mulheres RN

Fátima Bezerra recebe Projeto de Resgate à Memória de Nísia Floresta de grupo feminista Movimenta Mulheres RN

O grupo feminista Movimenta Mulheres RN apresentou oficialmente, nesta quinta-feira (7), à governadora Fátima Bezerra e ao vice-governador Antenor Roberto, o projeto “Monumento à Mulher”. A ideia é viabilizar uma construção arquitetônica e artística dedicada ao reconhecimento do pioneirismo das mulheres no Rio Grande do Norte, sobretudo pelo expoente histórico de Nísia Floresta (Dionísia Gonçalves Pinto).

A proposta, idealizada pela arquiteta e urbanista é uma das presidentas do MM/RN, Karenina Hentz da Cunha Lima, deve ser executada em parceria com o Governo do RN, que instituirá no próximo dia 12 de outubro – aniversário de Nísia Floresta – grupo de trabalho para analisar a exequibilidade, parcerias e os trâmites necessários à realização da obra.

O grupo terá participação da Secretaria das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humano (Semjidh), Fundação José Augusto, representada na reunião pelo diretor-presidente Crispiniano Neto, Secretaria de Infraestrutura (SIN) e Secretaria de Turismo, além de representantes da sociedade civil.

Durante o encontro – intermediado pela titular da Semjidh, Júlia Arruda, e pela subsecretária Políticas para as Mulheres da pasta, Wanessa Fialho, além da vereadora de Natal Divaneide Basílio –, ficou acertada a realização de um concurso para o projeto arquitetônico, pensado para o município de Nísia Floresta.

“Sou encantada com o projeto”, disse a governadora, que já conhecia a iniciativa. “A concepção do museu coloca Nísia falando para o Brasil, Nísia falando para o mundo. Vamos delinear os passos. A ideia de fazer o concurso é muito saudável. A instalação desse projeto vai ser um atrativo a nível mundial, além de se tratar um local extremamente aprazível com aquele litoral”.

De acordo com a proposta, para a arquiteta e urbanista Karenina Hentz da Cunha Lima, o objetivo é atribuir visibilidade às mulheres, preservando suas memórias, lutas e feitos, superando o apagamento de suas identidades. Movimentar o Turismo. Trazer representatividade ao município de Nísia Floresta.

A intenção, segundo as proponentes, é que o monumento possa abrigar os restos mortais da educadora e escritora potiguar, que representará mulheres emblemáticas na História, por vezes não nomeadas. Karenina acrescenta que será essencial “a marca do governo, que já vem enaltecendo a representatividade das pessoas de personalidades do Rio Grande do Norte”.

A reunião ainda contou com a presença de outras membras do Movimenta Mulheres RN, como a presidenta Isabella Lauar, Kalina Paiva, Emanuelle Elisa e Marcelange Brito.

Foto: Assessoria de Comunicação/ Emanuelle Elisa

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.

Morre Marília Mendonça após acidente aéreo; veja fotos CINCO deputados do RN votam pelo furo do teto de gastos Após rompimento de parceria com o Flow Podcast, hackers invadem iFood, trocam nome de restaurantes e dão apoio a Bolsonaro Azul mira compra da Latam Airlines e visa à criação de gigante sul-americana Homem se dá mal após tentar jogar drogas pela janela em Mossoró Adolescente de 16 anos é suspeito de matar os próprios irmãos, de 2 e 4 anos, no Rio de Janeiro Preço da gasolina sobe 47% em 2021 e já custa R$ 7,29 em Natal após novo reajuste Cidade faz ‘recall’ de vacinação após enfermeira da Cruz Vermelha injetar água e sal na população Mulher dá à luz dentro de elevador de condomínio na Grande Natal Operação Falsos Heróis: Polícia Federal deflagra 2ª fase de operação contra contrabando de cigarros; um policial foi preso e outro afastado Vulcão Cumbre Vieja em La Palma não dá sinais de abrandamento Cocaína no Ceará tem tudo, menos o princípio ativo da droga