Escola Municipal em Campo Redondo, adolescentes queriam realizar massacre no Rio Grande do Norte

Polícias do RN e Goiás se antecipam e frustram plano de adolescentes para realizar massacre em escolas potiguares

Adolescentes planejavam realizar massacre em escolas do Rio Grande do Norte, na cidade de Campo Redondo.

Um adolescente de 14 anos e seu primo, de 15 anos, planejavam realizar massacres em duas escolas do Rio Grande do Norte. Os planos foram frustrados pela Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC), com apoio de equipe da 6ª Delegacia Regional de Itumbiara, que identificou e localizou os adolescentes no dia de ontem (15).

A operação foi coordenada pela Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (Seopi-MJSP), através do Laboratório de Operações Cibernéticas (Ciberlab), e contou com a participação da Agência de Investigações de Segurança Interna (Homeland Security Investigations – HSI).

Adolescentes planejavam massacre em escolas potiguares, no Rio Grande do Norte
Foto: Divulgação/Polícia Civil de Goiás

De acordo com as informações iniciais, pelo menos quatro adolescentes planejavam invadir duas escolas. Após a invasão, eles planejavam utilizar armas químicas incendiárias, conhecidas como “coquetel molotov”, e posteriormente cometeriam suicídio.

As investigações lideradas pela Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos de Goiás e Departamento de Inteligência Policial da Polícia Civil do Rio Grande do Norte possibilitaram identificar e localizar a residência dos adolescentes. Os levantamentos das polícias apontaram que dois jovens, os quais são primos, sendo um da cidade de Campo Redondo/RN e outro de Itumbiara/GO, planejavam os crimes.

Os policiais civis da 6ª Delegacia Regional de Itumbiara e 9ª Delegacia Regional de Santa Cruz, no Rio Grande do Norte foram até as residências apontadas pela investigação e localizaram os dois adolescentes. Os pais dos suspeitos foram acionados e, espontaneamente, apresentaram os filhos nas delegacias de Goiás e do Rio Grande do Norte, momento em que os fatos foram confirmados.

De acordo com a polícia, os jovens já haviam escolhido pela internet as roupas que usariam durante o massacre e, atualmente, estavam na fase de planejamento, para testar os equipamentos que usariam no crime. O adolescente que reside em Itumbiara estava com viagem marcada para Campo Redondo e, ao chegar no Rio Grande do Norte, se encontraria com o primo, o que tornava ainda mais concreta a chance dos massacres se tornarem realidade.

Foto: Divulgação/Prefeitura de Campo Redondo

Siga o Por Dentro do RN também no Instagram e mantenha-se informado.